MotoGP, 2020, Misano: 4 pilotos a 4 pontos, seria possível mais perto?

Por a 21 Setembro 2020 14:29

Outra incrível corrida de MotoGP vê Dovizioso, Quartararo, Viñales e Mir divididos por quatro pontos rumo a Barcelona

O MotoGP voltou dar uma corrida espantosa. O Grande Prémio dell’Emilia Romagna e della Riviera di Rimini foi repleto de dramas implacáveis e na sétima corrida da temporada de 2020, vimos um sexto piloto diferente no topo do pódio.

A oitava vitória de Maverick Viñales (Yamaha Monster Energy ) na classe rainha vê o espanhol juntar-se a Fabio Quartararo (Yamaha Petronas SRT), Brad Binder (KTM Red Bull Factory Racing), Andrea Dovizioso (Ducati Team), Miguel Oliveira (KTM Red Bull Tech3) e Franco Morbidelli (Yamaha Petronas SRT) como vencedores em 2020.

Foi uma exibição categórica de Viñales, que aproveitou a queda de Francesco Bagnaia (Ducati Pramac) para liderar sobre Joan Mir da Suzuki Ecstar e Pol Espargaró (KTM Red Bull Factory Racing) em Misano.

Com esta vitória, Viñales está agora a apenas um ponto do líder do Campeonato, Dovizioso. Com Dovi a terminar em 8º e Viñales, Mir e Quartararo todos entre os quatro primeiros, a diferença entre o quarteto líder está agora a apenas quatro pontos. 2020 já era imprevisível o suficiente, mas agora temos quatro pilotos todos a um passo um do outro a metade da campanha… as coisas não podiam estar muito mais próximas.

A forma de Dovizioso é uma preocupação, pois já ficou em 5º, 7º, e agora 8º desde a vitória austríaca. Especialmente com Mir em modo de ataque absoluto. O 2º deste último GP da Emilia Romagna é o terceiro pódio do espanhol em quatro corridas, e o seu outro resultado desde a Àustria foi 4º, numa corrida interrompida que parecia destinado a vencer.

Viñales tirou um peso de cima, depois do domingo anterior que o viu escorregar da pole para 6º apenas sete dias antes desta sua vitória. Quartararo deixa Misano sem um pódio, mas 4º está longe de ser um desastre na caça ao título de 2020.

Antes da oitava ronda para os pilotos de MotoGP, 20 pontos cobrem Dovizioso para o 6º lugar Jack Miller (Pramac Racing).

Mesmo Miguel Oliveira, 8º classificado, está apenas a 25 pontos de distância, e  Valentino Rossi está a 26.

2020 está cada vez melhor e ainda estamos longe de terminar, com o GP da Catalunha a dar mais uma oportunidade a todos em menos de uma semana.

5 1 vote
Article Rating
1 Comentário
antigo
recente mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Barbosa 914050416
Barbosa 914050416
2 meses atrás

Um festim sem o grande Campeão Marquez…..aproveitem, pq para o ano volta o domínio do Marc.

Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x