SBK, Jerez, 2020: Redding vence de novo, Rea apenas sexto

Por a 2 Agosto 2020 15:30

A corrida começou com Rea a saltar para a frente seguido de v d Mark e Baz e incrivelmente Davies a aparecer em quarto, depois Lowes vinha atrás, com Laverty a ir à gravilha logo na primeira volta e praticamente desistir da corrida.

Redding passa Rea log à segunda volta, e Lowes vem passar por Baz e pouco depois Redding já tem uma vantagem de 0,9 segundos sobre o resto do pelotão, mas entretanto David começa a aproximar-se de Rea e está a cerca de 0,2 s, com o Irlandês a acusar algumas dificuldades.

O Galês e Razgatlioglu, que lutou da 10.ª posição para chegar aos cinco primeiros conseguiram passar por Rea temporariamente antes de uma jogada ambiciosa de Alex Lowes que permitiu que Rea voltasse ao terceiro lugar.

Davies vai para terceiro e passa Johnny Rea, que aqui parece ter a moto com a frente a subvirar, e baixa incrivelmente para quarto a seguir, após uma luta interessante com Razgatlioglu e Lowes.

Mais atrás Rinaldi ataca Michael Van der Mark e este é pressionado pelo piloto da Ducati que está em forma e sobe mesmo para a sexta posição e a seguir para 5º.

Mais lá atrás, Melandri está em nono e Loris Baz, que tinha caído, está na 18ª posição.

Com a continuação da corrida , Davies carrega e chega mesmo à segunda posição atrás de um lugar quase perfeito para a Ducati até porque Rinaldi também vem pressionar Razgatlioglu para chegar ao pódio, um pouco tarde demais… Davies começou a fechar a diferença quando a corrida entrou na fase final, mas Redding respondeu para estender a diferença para mais de dois segundos e vencer.

Rea acaba num 6º lugar inédito atrás de Lowes,que também vem passar v d Mark, com Bautista, Melandri e Gerloff a completarem o Top 10.

Tom Sykes da BMW Motorrad terminou no 11º lugar, a dois segundos de Gerloff. Leon Haslam (Team HRC) terminou em 12º, a cerca de 10 segundos do seu companheiro de equipa na Honda.

Xavi Fores (Kawasaki Puccetti) terminou no 13º lugar, ao bater Sandro Cortese (Kawasaki TPR) por quase seis segundos.

Leandro ‘Tati’ Mercado (Motocorsa Racing) conquistou o último ponto disponível.

A vitória de Redding faz dele o primeiro estreante britânico nas SBK a alcançar seis pódios consecutivos, enquanto o 1-2 da Ducati foi o primeiro desde a Corrida 1 de Assen de 2012.

Em contraste, o sexto lugar de Jonathan Rea é o mais baixo que terminou numa corrida desde a Corrida 1 de Laguna Seca, de 2014, quando foi sexto.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Mundial Superbikes
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x