CNTT, Raide TT Góis, Final: Domínio total de António Maio

Por a 27 Março 2022 12:00

António Maio venceu tudo o que havia para vencer na 29.ª edição do Raide “Paraíso do Todo-o-Terreno” de Góis.

Com uma vantagem de 1m58s amealhada no primeiro dia de competição, António Maio não precisava de vencer a PEC3 para triunfar. No entanto, o alentejano não quis “deixar os seus créditos por mãos alheias” e foi o mais rápido na etapa de domingo por uma margem de 57 segundos sobre Gustavo Gaudêncio.

O piloto da Honda voltou a ser o principal opositor a Maio mas, na classificação final, 2m55s separaram-no do vencedor. Ainda assim, foi um ótimo resultado para Gaudêncio, ele que foi apenas 28.º na Baja TT Montes Alentejanos, e chegou a Góis com uma enorme necessidade de recuperar pontos no campeonato.

Mário Patrão voltou a mostrar por que motivo é o piloto com mais títulos de campeão nacional na história da Federação de Motociclismo de Portugal. Na sua primeira participação no CNTT em 2022, o piloto da KTM tirou partido da sua vasta experiência para subir ao degrau mais baixo do pódio na tabela final a 1m36 de Gustavo Gaudêncio.

Nos 146 km da PEC3, Micael Simão entrou ao ataque e ganhou duas posições face ao dia anterior. O piloto da GasGas tinha como principal objetivo a vitória na classe TT3 – meta que atingiu – e esse foco levou-o a terminar a prova beirã na 4.ª posição da classificação geral.

Daniel Jordão teve uma prestação consistente que o levou ao 5.º lugar final, terminando o campeão nacional absoluto de 2019 na frente de Fábio Magalhães, o vencedor da categoria TT1.

Vítima de três quedas no sábado, o piloto da Honda geriu a sua corrida no domingo para sair de Góis com o seu principal objetivo cumprido, ou seja, o triunfo na sua classe.

O Top 10 final ficou completo com Fernando Ferreira (melhor 2T), Miguel Castro, Paulo Santos e David Megre.

O campeonato nacional de Todo-o-Terreno prossegue nos dias 22, 23 e 24 de Abril com a realização do Raid da Ferraria.

Classificação final do Raide TT Góis

  1. António Maio, YAMAHA, 4h46m58s
  2. Gustavo Gaudêncio, HONDA, 4h49m53s
  3. Mário Patrão, KTM, 4h51m29s
  4. Micael Simão, GASGAS, 4h55m43s
  5. Daniel Jordão, HUSQVARNA, 4h58m01s
  6. Fábio Magalhães, HONDA, 4h58m13s
  7. Fernando Ferreira, FANTIC, 5h02m32s
  8. Miguel Castro, KTM, 5h03m45s
  9. Paulo Santos, HONDA, 5h06m49s
  10. David Megre, KTM, 5h09m30s

:.

(Foto: João da Franca)

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x