WSBK, Países Baixos, Corrida 1: Rea faz 100ª vitória da Kawasaki

Por a 25 Abril 2022 10:43

O fim de semana do Mundial de Superbike em Assen foi  auspicioso com clima ameno, frio o suficiente para preservar os pneus. Jonathan Rea, Alvaro Bautista e Toprak Razgatlioglu formaram um trio de luxo: ultrapassagens constantes, tensão, travagens no limite, proporcionaram um grande espetáculo na primeira corrida no Países Baixos.

A Superpole de Assen já o anunciava… Na pista conhecida como a catedral da velocidade, muitos pilotos mostraram uma velocidade notável e Toprak Razgatlioglu (Pata Yamaha WSBK) fez homenagem ao seu número 1 com o tempo de 1’32 que ele nunca tinha conseguido aqui antes desta temporada.

Dado o sinal verde, o piloto oficial turco assume a liderança e tenta uma fuga direta, mas os dois pilotos oficiais da Kawasaki não o entendem dessa maneira. Os pilotos titulares da Ducati também e Andrea Locatelli na Yamaha também permanecem em contato. Rapidamente, vemos Toprak e Jonathan Rea descolar na liderança. Os outros pilotos tentarão seguir, mas em vão. Apenas Álvaro Bautista, que teve uma largada mediana e que parecia levar “diesel” na moto, fez a conexão com o novo campeão mundial da Yamaha e o ex-campeão mundial da Kawasaki.

Toprak realmente deu tudo para ficar na frente, usando a largura máxima da pista sem ultrapassar os limites, ao contrário de outros pilotos penalizados neste ponto. No entanto, Jonathan Rea conseguiu ultrapassar o piloto da Yamaha em várias ocasiões, e venceu no final à frente de Álvaro Bautista que realmente fez uma boa recuperação e teve uma segunda metade brilhante da corrida. Toprak Razgatlioglu subiu ao terceiro degrau do pódio e colheu os pontos que procura para chegar a um segundo título.

Alex Lowes teve azar com danos mecânicos. Ao lado dos franceses, Loris Baz qualificou-se na sétima posição e terminou na sexta posição, sem poder encostar-se aos pilotos da frente. Não conseguiu juntar-se a Andrea Locatelli (Yamaha) e teve de perder para Iker Lecuona (Honda HRC) que deverá ser o melhor piloto HRC desta temporada, mas provavelmente não tem equipamento para fazer melhor do que os 5 primeiros. Luca Mahias terminou 15º, decepcionado e Christophe Ponsson décimo segundo, bastante satisfatório.

CORRIDA 1 (ASSEN)

1.Jonathan ReaKawasaki
2.Toprak RazgatliogluYamaha+ 0,267 segundos
3.Álvaro BautistaDucati+ 0,300
4.Andrea LocatelliYamaha+ 6.959
5.Iker LecuonaHonda+ 11.997
6.Loris BazBMW+ 12.953
7.Garrett GerloffYamaha+ 13.410
8º.Michael RinaldiDucati+ 13.512
9.Axel BassaniDucati+ 13.567
10Philipp OettlDucati+ 13.871
11.Scott ReddingBMW+ 14.239
12.Xavi ViergeHonda+ 16.491
13.Lucas MahiasKawasaki+ 16.800
14Kohta NozaneYamaha+ 18.989
15Michael van der MarkBMW+ 20.625
16Roberto TamburiniYamaha+ 21.463
17Leon HaslamKawasaki+ 23.762
18Leandro MercadoHonda+ 23.998
19Christopher PonssonYamaha+ 24.207
20Lucas BernardiDucati+ 25.949
21Gabriele RuiuBMW+ 33.209
22Hafizh SyahrinHonda+ 33.519
23Oliver KingKawasaki+ 33.717
ForaAlex LowesKawasaki 
0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x