AMA Pro Motocross 250: Deegan triunfa pela quarta vez em 2024

Por a 9 Junho 2024 20:29

Uma vitória e um segundo lugar deram o triunfo à geral a Haiden Deegan (Yamaha) em Thunder Valley, mas a jovem estrela americana foi batida pelo compatriota Chance Hymas (Honfa) na segunda manga, com o francês Tom Vialle (KTM) também em destaque.

O Campeonato Pro Motocross, sancionado pela AMA Pro Racing, viajou para as Montanhas Rochosas para a terceira ronda da temporada de 2024, no Thunder Valley Motocross Park. Na classe 250, Haiden Deegan, da Monster Energy Yamaha Star Racing, continuou a vencer e voltou a triunfar para abrir o verão com três vitórias consecutivas.

A manga de abertura começou com Deegan na frente do pelotão para fazer o holeshot, com pressão de Tom Vialle (KTM), em segundo, e de Chance Hymas (Honda), em terceiro. O trio da frente acabou por se fixar nas respectivas posições enquanto o pelotão começava a espalhar-se ao longo dos primeiros 10 minutos.

Haiden Deegan soma e segue

Deegan e Vialle estabeleceram o ritmo no início da 1ª manga, com a liderança a rondar os dois segundos, mas à medida que a corrida se aproximava da metade, a consistência de Deegan permitiu-lhe afastar-se e aumentar a sua vantagem para quase quatro segundos. Com o seu ritmo excecional, Deegan e Vialle afastaram-se de Hymas e do resto do pelotão, tornando-se a corrida numa batalha de dois pilotos.

À medida que entravam nos últimos cinco minutos, ambos os pilotos aumentaram o ritmo enquanto navegavam com tato nas dobragens. Isso fez com que a distância entre eles flutuasse, o que funcionou a favor de Deegan, pois a vantagem aumentou para mais de três segundos. No entanto, Deegan escorregou e teve uma queda ligeira, o que permitiu a Vialle fazer a passagem para a liderança. Deegan recuperou rapidamente e manteve-se a curta distância do francês.

Uma batalha feroz seguiu-se nas derradeiras voltas, enquanto Deegan procurava linhas alternativas. Quando chegaram à bandeira branca, Deegan aproveitou uma linha interior para empurrar Vialle para a frente e recuperar a liderança. Vialle lutou e fez uma última tentativa de ultrapassagem que viu os dois pilotos entrarem em contacto com Vialle a ficar no chão. Isso permitiu que Deegan levasse para casa a sua quarta vitória da temporada por 5,8 segundos sobre Vialle, que voltou a montar rapidamente, enquanto Levi Kitchen (Kawasaki) seguia em terceiro. Hymas foi quarto, com o seu colega de equipa da Team Honda HRC, Jo Shimoda, em quinto.

Primeiro triunfo de Chance Hymas

 A última corrida do dia começou com Hymas (Honda) e Deegan (Yamaha) lado a lado a saírem da primeira curva, onde Hymas ganhou o holeshot e agarrou a liderança inicial. Deegan ficou em segundo, enquanto Levi Kitchen (Kawasaki) começou a manga em terceiro. Vialle (KTM) começou em quinto.

Com a pista livre à frente, Hymas aproveitou o momento e conseguiu abrir uma vantagem de mais de cinco segundos sobre o resto do pelotão durante os primeiros 10 minutos. Deegan ficou em segundo, enquanto Kitchen sofreu uma cambalhota que o fez cair de terceiro para sexto. Isso permitiu que Jalek Swoll, da Triumph Racing, passasse para terceiro, até que Vialle fez a ultrapassagem para se juntar aos três primeiros, pouco antes da metade da corrida. Pouco depois, Vialle teve uma breve queda que o fez cair de terceiro para quinto, o que levou Swoll de volta à posição de pódio.

Enquanto a dupla da frente desfrutava de uma margem confortável sobre o pelotão, a luta pelo terceiro lugar intensificou-se entre Swoll e Shimoda, tendo o nipónico levado a melhor. A partir daí, os três primeiros ficaram inalterados.

Hymas conquistou a sua primeira vitória da carreira com uma vitória de fio a pavio por uma margem de 3,8 segundos sobre Deegan, com Shimoda em terceiro. Vialle recuperou para terminar em quarto.

O esforço 1-2 de Deegan garantiu facilmente a sua terceira vitória consecutiva na geral e aumentou a sua liderança em pontos. A vitória de Hymas na segunda manga coroou o melhor desempenho da sua carreira, com o segundo lugar (4-1) e o seu primeiro pódio de sempre, enquanto Vialle completou os três primeiros (2-4).

Com a sua série de vitórias, Deegan tem 23 pontos de vantagem sobre Vialle e Hymas, que subiram na classificação do campeonato e estão agora empatados em segundo lugar.

Resultados AMA Pro Motocross Thunder Valley:

1ª manga de MX 250

1. Haiden Deegan (YAM),

2. Tom Vialle (KTM), +05.875

3. Levi Kitchen (KAW), +19.212

4. Chance Hymas (HON), +20.890

5. Jo Shimoda (HON), +21.037

6. Pierce Brown (GAS), +33.572

2ª manga de MX 250

1. Chance Hymas (HON),

2. Haiden Deegan (YAM), +03.876

3. Jo Shimoda (HON), +06.284

4. Tom Vialle (KTM), +19.884

5. Jalek Swoll (TRI), +22.040

6. Ty Masterpool (KAW), +23.029

Campeonato MX 250

1. Haiden Deegan (YAM), 144 Pnt

2. Chance Hymas (HON), 121

3. Tom Vialle (KTM), 121

4. Levi Kitchen (KAW), 119

5. Jo Shimoda (HON), 99

6. Jalek Swoll (TRI), 93

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
This site uses User Verification plugin to reduce spam. See how your comment data is processed.
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x