MotoGP: os resultados de Valentino Rossi à chuva em 2016

Por a 21 Agosto 2016 17:23

O segundo lugar de Valentino Rossi no Grande Prémio da República Checa foi encarado como se de uma vitória se tratasse pelo piloto italiano, que não subiu ao pódio desde o triunfo no Grande Prémio da Catalunha… há precisamente  quatro corridas! Assen, Sachsenring, Red Bull Ring e Brno foram todas, à sua maneira, provas difíceis para a lenda italiana, com Rossi a claudicar na chuva do GP da Holanda e a errar na estratégia no GP da Alemanha, quando parou à 23ª volta, e saiu do pitlane com pneus intermédios em vez de slicks, acabando por cair para o oitavo lugar.

Na Áustria, não teve andamento para superar as Ducati e o colega de equipa Jorge Lorenzo, enquanto agora na República Checa admitiu que, ao início, pensou ter cometido um grande erro estratégico. Felizmente, a pista secou e Rossi voltou às grandes exibições, recuperando de 12º, lugar para onde caiu no início da prova, para 2º.

Na contabilização das provas à chuva, onde brilhou, à excepção de San Marino, no ataque ao título de 2015, Rossi leva para já uma desistência, um oitavo posto e um segundo lugar, estando aqui parte da explicação para os 53 pontos que neste momento o separam de Marc Marquez na liderança pelo campeonato. O motor partido em Mugello foi também determinante, numa época atípica para Valentino, que conta já com três desistências este ano.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Moto GP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x