MotoGP, Miguel Oliveira: “Não tenho ainda nada assinado”

Por a 16 Agosto 2022 11:30

O piloto luso recordou o seu primeiro triunfo no MotoGP em Spielberg com a Tech3 e falou à ServusTV sobre o seu futuro. Há na verdade um comprometimento com a Aprilia, mas nada foi ainda assinado.

Miguel Oliveira não competirá mais na equipa de fábrica da KTM em 2023, já que Jack Miller irá ocupar o seu lugar. O português recusou a oferta pela Tech3-KTM e em breve será apresentado na WithU RNF Aprilia para 2023.

No programa ao vivo “Sport & Talk from Hangar-7”, que desta vez foi transmitido a partir do KTM Motohall, o português foi um dos convidados de destaque num grupo ilustre. Sobre a vitória em Mandalika, em abril, disse: “Pensa-se sempre que depois de uma vitória pode continuar assim. Estava a chover muito e ninguém tinha experimentado as motos no molhado antes. Foi a bênção do momento.”

Miguel Oliveira recordou também como outro bom momento a sua primeira vitória de MotoGP em Spielberg 2020 na KTM RC16 da equipa Tech3. Nessa altura, aproveitou a luta entre Jack Miller e Pol Espargaró na última curva com uma ultrapassagem de cortar a respiração. “A minha primeira vitória no MotoGP foi super emocionante. Foi uma luta até a última curva. Consegui me posicionar bem. Foi uma maneira muito espetacular de vencer uma corrida e um momento que nunca se esquece.”

Sobre o novo traçado com a chicane na Curva 2 do Red Bull Ring, o português disse: “É uma conversão que nós, pilotos, apreciamos porque é para a nossa segurança. É definitivamente mais lento e vai mudar os nossos pontos de travagem. É importante que haja algo que nos atrase antes da curva 3. Tem sido uma curva perigosa até agora.”

Obviamente abordado nesta entrevista à Servus TV foi o futuro do piloto luso, da sua entrada eminente na Aprilia no próximo ano, mas também de um regresso à KTM no futuro que ele próprio não descarta.

“Ainda não assinei com nenhum outro fabricante. Espero que isso seja feito dentro de algumas semanas, a boa notícia é que provavelmente vou ficar numa equipa competitiva. Gostaria de ter feito mais junto da Red Bull KTM, mas a porta continua aberta e veremos o que o futuro trará”.

Recorde-se que Miguel Oliveira não aceitou a passagem da equipa Red Bull Factory para a Tech3 em 2023. Tem apalavrada a entrada na equipa-satélite WithU-RNF onde vai pilotar uma Aprilia RS-GP 22. Isso é praticamente certo, falta apenas uma assinatura.

5 2 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x