MotoGP, 2022, Fabio Quartararo: “Vamos para Le Mans com a configuração atual”

Por a 4 Maio 2022 12:20

Para o único dia de testes em Jerez, a equipa de fábrica da Yamaha tinha preparado um novo guarda-lamas frontal e um novo braço oscilante para ambos os pilotos experimentarem na YZR-M1, para além de discos Brembo maiores para circuitos mais exigentes na travagem como Spielberg (Áustria) e Motegi (Japão).

Fabio Quartararo foi o primeiro piloto a sair da pista quando o relógio chegou às 10h00 e fez um total de 78 voltas ao longo do dia, conseguindo o terceiro melhor tempo (1’37.438s), a 0,302s do topo.

“Experimentei um novo guarda-lamas frontal, braço oscilante, e o disco maior Brembo”, começou por referir o francês, atual líder do campeonato. “Durante o dia usei o novo braço oscilante duas vezes, o que demorou bastante tempo. Também usámos o set-up do ano passado aqui em Jerez, e foi só isso. Parece que o novo braço oscilante é um pouco melhor quando se olha para os números, mas a sensação é mais ou menos a mesma. Vamos para Le Mans com a configuração atual, mas se tivermos dúvidas quanto à aderência traseira, teremos este novo braço oscilante para usar. Basicamente, tentámos os discos para nos prepararmos para as pistas de corridas mais difíceis nos travões, como a Áustria e Motegi. Nunca tinha utilizado estes discos antes, e a sensação é um pouco diferente, por isso foi bom habituarmo-nos a eles. Adaptei-me bastante depressa”, concluiu Quartararo.

Massimo Meregali, antigo piloto de SBK e atual diretor da equipa Yamaha Monster Energy: “Fizemos algumas pequenas actualizações, sendo uma delas o braço traseiro, o que dá uma sensação um pouco melhor. Usámos um diferente guarda-lamas frontal, principalmente com o objectivo de arrefecer a água e o óleo para corridas mais quentes. Também testámos o maior disco frontal de Brembo, que nunca tivemos a oportunidade de experimentar antes, em preparação para circuitos que são mais duros nos travões. E depois, como de costume, tentámos melhorar as configurações pouco a pouco. Penso que os resultados não são maus. Recolhemos boas informações, e de uma certa forma começámos a preparar-nos para o GP francês.” Concluiu o responsável.

A Monster Energy Yamaha estará de volta à acção dentro de duas semanas no Grande Prémio de França.

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x