MotoGP, 2021: Marini vem mesmo para a Ducati Esponsorama

Por a 27 Outubro 2020 13:30

Tito Rabat resistiu ao máximo à expulsão da equipa de MotoGP, mas agora confirma-se que Luca Marini estará no seu lugar na Ducati Esponsorama em 2021

semanas que se sabia que a Ducati estava a esforçar-se por acomodar o candidato ao título de Moto2 Luca Marini na Ducati Esponsorama ao lado do talento da mesma classe Enea Bastianini. Para isso, porém, a fábrica italiana teria de recorrer a uma drástica transformação e livrar-se do regular da equipa Tito Rabat.

O problema é que o dono da equipa Avintia, Raul Romero, estava relutante em aceitar essa imposição porque é amigo de Rabat, que foi campeão do mundo de Moto2 em 2014 e a família de Rabat contribui com uma parte significativa do orçamento, pois o pai é joalheiro em Andorra e conseguiu o apoio dos relógios de luxo Hublot.

Mas a Dorna quer eliminar os lugares pagos tanto quanto possível (Karel Abraham era outro caso, e na mesma equipa!) ao mesmo tempo que o meio-irmão de Rossi Luca Marini aos 23 anos ainda tem o futuro pela frente.

Tito Rabat resistiu à “despromoção” para o Campeonato do Mundo de Superbike durante semanas porque tem um contrato válido com Romero para a temporada de 2021.

Mas agora o acordo com Luca Marini, que tem 1,84 m de altura, e só por isso poderás dar-se melhor nas MotoGP que na classe intermédia, foi selado: o italiano vai conduzir uma Ducati GP19 no próximo ano juntamente com o compatriota Enea Bastianini, as mesmas usadas por Zarco e Rabat este ano.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x