MotoGP, 2021, Áustria: Maverick Viñales: “Nem quero pensar em 2022”.

Por a 18 Julho 2021 15:00

Após deixar a Yamaha, Maverick Viñales ainda não sabe para onde irá e pode estar mesmo a considerar uma pausa das corridas

Maverick Viñales ainda não decidiu para onde irá depois de deixar a Yamaha. O espanhol testou em Montmeló na terça-feira, onde explicou que atualmente está apenas concentrado no momento. “Ainda não pensei em 2022, quero aproveitar o tempo sem correr”, disse Viñales, que foi apanhado numa fase negativa após a sua vitória de abertura no Qatar.

A frustração culminou com uma cisão. Desde então, tem estado ligado em boatos tanto à Aprilia como à Ducati.

No entanto, Viñales também pode imaginar tirar um ano de férias. “A Aprilia melhorou tremendamente com Aleix Espargaró”, observou Viñales.

“Uma pausa não seria o ideal porque se tem de continuar a competir e manter o ritmo, mas se não me sentir confortável ou se não for para me divertir, então não tenho necessariamente de andar.”

A favor da Ducati é o facto de que Gigi Dall’ Igna já estava interessado no piloto de 26 anos de idade para a época de 2020. No entanto, o fabricante da Borgo Panigale só tem um lugar, que é com a nova equipa de Valentino Rossi.

Viñales não se deixa apressar e diz: “Prefiro tomar uma decisão com calma. Quero voltar a desfrutar das corridas e vou competir profissionalmente e dar tudo o que tenho”.

Acerca da sua partida, ele disse: “Já não fazia sentido continuar. Não é que a moto não funcione, mas simplesmente não funciona para mim e é por isso que tenho de procurar uma solução para mim próprio. Estou grato à Yamaha por ter apostado em mim. Tentámos tudo”.

No entanto, esta tentativa não foi coroada com o sucesso esperado, pois tanto Viñales como a Yamaha tinham esperado mais do que as oito vitórias em GP até à data.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x