Moto2: Johann Zarco vence, Miguel Oliveira 13º

Por a 13 Novembro 2016 12:11

O piloto da Leopard Racing terminou nos lugares pontuáveis o GP da Comunidade Valenciana, prova que marcou o seu regresso ao Mundial de Moto2 após quatro rondas de ausência devido a lesão. Partindo da 16ª posição, Oliveira rodou grande parte da derradeira corrida do ano nos lugares pontuáveis e na luta pelo título de melhor piloto estreante, sem cometer excessos. Porém o piloto luso não conseguiu alcançar essa conquista por um ponto, pois Xavi Vierge ao ficar em 12º superou Miguel Oliveira. Quanto ao anterior líder desta classificação, Luca Marini, teve uma corrida modesta e foi apenas 22º, tendo caído para o terceiro posto desta classificação.

Quanto à vitória ficou nas mãos de Johann Zarco, que assim terminou da melhor forma a sua passagem pelo Moto2, num ano onde conquistou o segundo título mundial consecutivo. O piloto francês, que venceu pela sétima vez em 2016, chegou ao triunfo após uma luta sem quartel com Franco Morbidelli na primeira parte da corrida. No entanto e como tantas vezes aconteceu ao longo destes dois anos na categoria intermédia do Mundial, Zarco conseguiu superiorizar-se nesta que foi a sua última corrida em Moto2. No próximo ano, o gaulês irá subir ao MotoGP, onde vai representar a Tech 3.

No segundo lugar ficou Thomas Lüthi que superou nos momentos finais da corrida Franco Morbidelli após uma animada luta. O piloto suíço fecha o ano como vice-campeão do Mundo, que culmina uma recta final de época a um grande nível, onde somou dois triunfos. Sempre impetuoso, Franco Morbidelli teve de se contentar com o terceiro posto. O homem da Marc VDS também realizou uma ponta final de temporada muito forte, cinco pódios nas últimas cinco corridas, ao qual ficou apenas a faltar uma vitória.

Sam Lowes, que também se despediu do Moto2, foi quarto. O piloto britânico, que não pontuava há três provas, ascendeu a esta posição depois de superar no final da corrida Álex Rins, que acaba por ser um dos grandes derrotados do final da temporada. O piloto da Pons Racing entrou para as últimas jornadas do campeonato ainda na luta pelo título, mas fecha a época no terceiro posto do campeonato.

Nota ainda para o facto do colega de Miguel Oliveira, Danny Kent, ter cruzado a linha de chegada no nono lugar, culminando assim um fim de semana onde esteve a um bom nível. O piloto britânico colocou um ponto final numa sequência de cinco Grandes Prémios sem pontos.

Classificação:

1
5
J. ZARCO
43:17.626
2
12
T. LUTHI
+3.281
3
21
F. MORBIDELLI
+4.981
4
22
S. LOWES
+5.636
5
40
A. RINS
+5.850
6
30
T. NAKAGAMI
+11.605
7
54
M. PASINI
+16.391
8
94
J. FOLGER
+16.964
9
52
D. KENT
+17.451
10
23
M. SCHROTTER
+17.668
11
24
S. CORSI
+20.455
12
97
X. VIERGE
+20.911
13
44
M. OLIVEIRA
+21.650
14
7
L. BALDASSARRI
+22.581
15
55
H. SYAHRIN
+23.734
16
19
X. SIMEON
+26.328
17
2
J. RAFFIN
+29.421
18
87
R. GARDNER
+29.667
19
57
E. PONS
+29.749
20
14
R. WILAIROT
+39.289
21
70
R. MULHAUSER
+43.105
22
10
L. MARINI
+43.532
23
60
J. SIMON
+51.271
24
27
I. LECUONA
+56.617
0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Destaque Homepage
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x