Moto2: Binder e KTM mandam em Le Mans

Por a 17 Maio 2019 15:27

Como não há duas sem três, a derradeira sessão cronometrada do dia para os pilotos de Moto2 também ficou marcada por algumas quedas. Sam Lowes, Andrea Locatelli (o mais forte pela manhã) e Tetsuta Nagashima não evitaram uma incursão ao solo do traçado de Bugatti-Le Mans, palco por estes dias do Grande Prémio de França.

Na frente e mostrando toda a mais valia do novo chassis KTM, ficou Brad Binder. Pela primeira em 2019, o piloto sul-africano fechou um dia de treinos na liderança, depois de ter sido o mais rápido na segunda sessão da jornada. Binder bateu por apenas 49 milésimos Remy Gardner, piloto que passou igualmente pela primeira posição e apresentou sempre um ritmo consistente aos comandos da Kalex da SAG Team.

Veremos agora se a ‘ilha Brad Binder’, as restantes KTM estão muito mais para trás, consegue amanhã durante a qualificação confirmar a subida de forma das motos de Mattighofen.

Na terceira e quarta posições ficaram os homens da Pons Racing, Lorenzo Baldassarri (líder do campeonato) e Augusto Fernández, respetivamente. Nota ainda para o excelente quinto posto de Mattia Pasini, que está em substituição do lesionado Khairul Idham Pawi na Petronas Sprinta Racing e que nunca anda por estas posições. Mais uma vez o experiente italiano mostra que tinha valor para ser um mero piloto de substituição, situação que teve de enfrenter neste ano de 2019.

Já Nicolò Bulega voltou a ser o melhor estreante, no 11º lugar, naquele que, até ao momento, está a ser o seu melhor fim de semana em Moto2. Por sua vez Luca Marini e Thomas Lüthi desiludiram ao ficarem em 18º e 17º, respetivamente.

Classificação combinada:

 

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Moto GP
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png