Moto E: Impressões dos mais rápidos

Por a 18 Junho 2019 16:30

Os três mais rápidos da sessão da manhã das MotoE em Valencia falaram das suas impressões em pista, todos, e cada um à sua maneira, ecoando a principal dificuldade das elétricas, referindo o peso do conjunto devido às baterias:

Hector Garzo, Tech 3 E-Racing

“A Moto é absolutamente perfeita, mas temos de trabalhar para compreender tudo melhor, demos alguns passos positivos, mas considerando que estamos a trabalhar para melhorar a moto, está a correr bem…”

“Como fui o mais rápido nas sessões da manhã, estou satisfeito…”

“Uma das coisas que temos de melhorar, é um pequeno problema, como a moto é tão pesada, apoia demais no pneu traseiro, tem aderência demais e desfaz o pneu, estamos  a tentar gerir isso…”

Eric Granado, Avintia Esponsorama

“Até aqui foi bom, estou contente com o resultado, tenho estado a trabalhar muito aqui e em casa, na preparação física e mental.”

“Primeiro que tudo queria dar os parabéns a toda a gente de ENEL e todos os envolvidos neste projeto, que conseguiram reconstruir tudo, recuperaram as motos em tempos recorde.”

“Estamos perto do topo de novo fizemos um bom trabalho na primeira e segunda sessão, a equipa ajudou-me a habituar à moto, fui rápido e consistente mas ainda precisamos de fazer mais voltas para compreender melhor a pilotagem nesta categoria…”

“A entrada em curva, por exemplo, como entrar mais rápido nas curvas, especialmente nas curvas rápidas encadeadas, uma sensação que é muito diferente das motos que tenho pilotado até aqui, no Brasil nas Moto1000”

“Mas no geral estou feliz e contente por continuar a desenvolver a moto!”

Nikki Tuuli, Ajo Motorsport

“Estou a melhorar a sensação, para mim a coisa principal é melhorar nas curvas, especialmente nas curvas apertadas…”

“Claro, a moto é bastante pesada de virar e é aí que tenho de progredir, ainda não me habituei à forma como entra em curva, é a principal coisa a melhorar…”

Depois, a cada curva rápida, faço bons tempos e recupero e a volta rápida sai, mas tenho de melhorar a minha pilotagem e as minhas capacidades com esta moto…”

“Ainda não fizemos assim tantas voltas como isso, por isso cada vez que saio para a pista a moto sente-se diferente… veremos quanto consigo melhorar e como acaba a sessão!”

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Moto GP
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png