CEV Repsol: Final em Valencia

Por a 7 Novembro 2019 16:30

Uma intensa temporada do FIM CEV Repsol termina este fim-de-semana no Circuito Ricardo Tormo e com o título de Campeão do Mundo Júnior de Moto3 por decidir depois das dez corridas até agora.

Jeremy Alcoba (Laglisse Academy) deixou o título praticamente garantido em Albacete e apenas um imponderável lhe poderá arrebatar a coroa.

Os novos reis das categorias Edgar Pons (Baiko Racing) e Izan Guevara (Cuña de Campeones) respectivamente, já são conhecidos como campeões, no Campeonato Europeu de Moto2 e na Taça ETC em que participa o Português Kiko Maria.

No Jr de Moto3, Jeremy Alcoba vive um bom momento, pois chega a Valencia com 46 pontos de vantagem sobre o segundo classificado, Carlos Tatay (Fundação Andreas Pérez 77), quando restam 50 em jogo, pelo que basta somar cinco pontos para ser campeão.

Além disso, o salto do piloto da Laglisse Academy para o Campeonato do Mundo FIM Moto3 com a equipa de Fausto Gresini já foi divulgado. São precisamente Carlos Tatay e Xavier Artigas (Leopard Impala Junior), que se magoou em Albacete, mas isso não o impediu de ter um retorno espetacular (largou de penúltimo e terminou em sexto), que jogam os lugares no pódio final com Barry Baltus (Ángel Nieto Junior) Além disso, esta última corrida terá o incentivo da estreia na categoria do campeão da ETC Izan Guevara.

Héctor Garzó (CNS Motorsport) procurará ser santo de casa e vencer a última corrida da temporada de Moto2. O atual campeão Edgar Pons não lho vai facilitar.

O piloto da Baiko já conquistou a pole e venceu na primeira parada do CEV Repsol em Valencia esta temporada. Héctor Garzó está garantido no segundo lugar, mas certamente a despedida da temporada com uma vitória em casa será a melhor das suas motivações.

Atrás, Alessandro Zaccone (Promoracing) e Tommaso Marcon (Team Ciatti-Speed ​​Up) estarão em duelo intenso por uma vaga no último pódio da temporada.

Nas Superstock 600, Alessandro Zetti (Fau55 Racing) vai competir no Circuito Ricardo Tormo como líder da categoria e com 23 pontos de vantagem sobre o segundo classificado Joan Diaz (DCR Racing Team) já sente o título de campeão nos dedos.

Na ETC, pouco importa que o título já tenha um dono, as corridas desta categoria são sempre elétricas, como no último encontro em Albacete, onde José Antonio Rueda, o Brasileiro Diogo Moreira e Adrián Cruces assinaram um triplete do Junior Team Estrella Galicia 0.0.

Será em Valencia que serão decididos os pilotos que acompanharão Izan Guevara ao pódio final da temporada, já que José Antonio Rueda é o segundo classificado, mas apenas dois pontos à frente de David Alonso (Angel Nieto Junior Team), seis sobre Fermín Aldeguer (Bester Capital Dubai) e nove sobre Iván Ortolá (Ángel Nieto Junior Team), sem mencionar Diogo Moreira, sexto a 16 pontos de José Antonio Rueda.

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Velocidade
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png