SBK, 2021, Portimão: Rea vence e aproxima-se após queda de Razgatlioğlu

Por a 3 Outubro 2021 15:59

Depois de duas quedas surpreendentes, Jonathan Rea voltou a vencer em Portimão, enquanto Toprak Razgatlioglu se despistou na sequência de um problema mecânico.

Com o sol a regressar a Portimão para a segunda corrida de Superbike  as hipóteses de van der Mark repetir o seu sucesso da corrida Superpole eram, quando muito, remotas mas Toprak Razgatlioğlu, a começar de segunda fila em sexto, estava igualmente numa posição delicada.

Houve um momento bizarro na conclusão da volta de aquecimento, e que poderia ter sido muito perigoso, uma vez que o semáforo de partida não funcionou corretamente.

A partida foi portanto adiada, com a distância revista para 19 voltas e foi uma partida relâmpago tanto para Michael Van der Mark como para Loris Baz da primeira fila, enquanto Toprak Razgatlioğlu e Jonathan Rea ficaram em terceiro e quinto lugar após a curva um.

Rea, que caíra nas duas corridas anteriores, ultrapassou depois Razgatlioğlu e  Andrea Locatelli no que foi uma volta de abertura espantosa.

Rea tomou então a liderança de Scott Redding na segunda volta, no entanto, Redding em breve estava de volta à liderança, mas cometeu dois pequenos erros na quarta volta, o que permitiu que Rea e Razgatlioğlu voltassem a passar.

Razgatlioğlu estabeleceu uma nova volta mais rápida na volta 6, antes de assumir a liderança. No entanto, o piloto da Yamaha deixou a porta aberta dirigindo-se para a curva 11, o que foi suficiente para a Rea passar.

Rea começou a desmarcar-se na volta 8 depois de definir uma nova volta mais rápida, enquanto Redding tentava tirar o segundo lugar a Razgatlioğlu.

O piloto da Ducati ficou ao lado do Turco na curva um, mas saiu um pouco largo, o que deu ao líder do campeonato a oportunidade de cortar por baixo dele.

A vantagem de Rea encurtou mais uma vez nas voltas nove e dez, mas… depois veio um momento ainda mais dramático, pois Razgatlioğlu teve uma falha mecânica a caminho da curva final, com o para-lamas aparentemente a desintegrar-se, o que provocou a queda do piloto turco.

A queda de Razgatlioğlu ajudou Rea a criar um intervalo de 1,3 segundos para Redding, que depois se tornou de dois segundos à medida que ele se afastava.

Para o lugar que restava no pódio, Locatelli ficou sob intensa pressão de Baz e Álvaro Bautista, que o passaram na reta.

Rea e Redding terminaram 1-2, contudo, houve drama na batalha entre Baz (11) e Bautista (19).

O piloto Honda adiantou-se a Baz após um pequeno erro na penúltima volta, mas o francês tentou responder indo para o interior na curva cinco, um espaço que não estava lá e que levou Baz a bater e a derrubar Bautista…

Rea conseguiu assim a 110ª vitória e o 210º pódio da sua carreira, diminuindo a diferença no Campeonato para 24 pontos.

A vitória de Rea significa que tanto ele como Razgatlioğlu marcaram 25 pódios nesta temporada, pela primeira vez na história das SBK.

Os dois primeiros do Campeonato estão também empatados com 25 pódios e 11 vitórias cada.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Destaque Homepage
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x