MotoGP, 2021: Ducati aposta em Miller para vitórias

Por a 10 Janeiro 2021 16:30

Com os seis lugares das três equipas de MotoGP definidos, o diretor desportivo da Ducati Paolo Ciabatti espera pódios e vitórias

A Ducati pode ser criticada por muitas coisas, mas demos uma oportunidade a muitos jovens pilotos da nova geração!”

A Ducati Corse renovou as três equipas de MotoGP para a próxima temporada e decidiu rejuvenescer drasticamente a formação de pilotos de MotoGP.

A idade média dos seis condutores vai baixar de 29 para 24 anos em relação a 2020.

No futuro, Jack Miller, de 25 anos e Pecco Bagnaia, de 23, vão trabalhar com a equipa de fábrica para o ataque ao Mundial.

Nenhum deles tem ainda uma vitória com a Ducati. Bagnaia tem apenas um lugar no pódio, o segundo lugar em Misano, e o título mundial de Moto2 em 2018.

Numa entrevista há dias, o diretor desportivo da Ducati, Paolo Ciabatti, fala de uma “formação jovem, motivada e equilibrada de pilotos”.

O executivo também confia muito no piloto da Pramac, Johann Zarco, de 30 anos.

“Johann Zarco tem experiência e no ano passado mostrou que pode ter muito sucesso com a Ducati. Ao lado dele temos Jorge Martin na Pramac, que acreditamos que pode fazer grandes coisas. Entretanto, não devemos esquecer a equipa Esponsorama, na qual temos Enea Bastianini e Luca Marini, o campeão e o vice-campeão mundial de Moto2.

A Ducati pode ser criticada por muitas coisas, mas não há como negar que investimos agora no futuro e demos uma oportunidade a muitos jovens pilotos da nova geração. A geração mais velha será representada por Zarco, que tem 30 anos. O nosso segundo piloto de MotoGP mais velho é Jack Miller, aos 25 anos. Os outros três têm entre 22 e 23 anos. Na Ducati, estamos agora a tentar construir uma nova geração de pilotos para o futuro.”

Zarco destacou-se em 2020 em Brno com a pole position e o terceiro lugar como melhor piloto da Ducati, mas muitas vezes recuou significativamente no último terço da corrida, uma fraqueza que foi evidente na KTM Red Bull já em 2019 e depois também criticada pelo seu treinador Jean-Michel Bayle.

Mas Paolo Ciabatti não está preocupado com isso.

“Em certas circunstâncias, Zarco, ainda tem de aprender a melhor forma de conservar os pneus para a distância da corrida, com a ajuda dos seus engenheiros. Johann é certamente super rápido, como provou na Ducati, muitas vezes também na qualificação. No caso da gestão dos pneus de corrida, no entanto, ele e a sua equipa ainda têm de melhorar.”

O final da temporada de 2020 com dois segundos lugares na última e penúltima prova, leva Jack Miller a concentrar as esperanças da Ducati na luta pelo título em 2021.

“Claro que Jack e Pecco e decerto, Johann, são os pilotos com quem contamos mais. Deviam obter o maior número de lugares do pódio. O Jack tem experiência suficiente ao fim de seis anos de MotoGP e terminou a temporada de 2020 com os melhores resultados”, diz Ciabatti.

“Ele vai ser o nosso candidato número um. Mas o Pecco não fica atrás. Se ele pode começar a temporada com o mesmo nível de confiança que mostrou em Jerez e Misano, então pode continuar a progredir, tenho a certeza. Johann recebe agora uma moto de 2020, e junta-se à equipa Pramac apoiada pela fábrica. Terá boas hipóteses de apresentar resultados fortes.

Não podemos esperar muito da Esponsorama, com os dois novatos. Não quero pressionar muito os nossos rookies, incluindo o Jorge Martin na Pramac. Tem de ficar a conhecer o MotoGP e a sua nova moto. Só devem puxar e aumentar a velocidade quando encontrarem o seu caminho nesta nova classe e se sentirem confortáveis.”

A Ducati venceu o Campeonato do Mundo de Construtores em 2020 pela primeira vez desde 2007. O fabricante de Borgo Panigale vai definitivamente ganhar outro título, o do Rookie do Ano, já que apenas três estreantes estão em campo: o trio da Ducati Martin, Bastianini e Marini.

“Sim, deve ser fácil para nós ganhar esse prémio!”, gracejou Ciabatti, a finalizar a  entrevista.

5 1 vote
Article Rating
1 Comentário
antigo
recente mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
alessandrohansenvargas
alessandrohansenvargas
1 mês atrás

No início da temporada, Zarco e Miller devem iniciar forte…
Mas apostaria ainda mais no Zarco… penso que tem tudo para repetir a fase da Tech3!

Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x