MotoGP, 2020, Valencia: Rins: “Serei limpo a ultrapassar, arriscamos a vida nas corridas”

Por a 15 Novembro 2020 09:43

Alex Rins acredita que não precisa de mais reuniões com o seu chefe de equipa para lutar com respeito pelo título. Tem total liberdade na corrida da parte de Davide Brivio, e promete que fará jogo limpo com o seu colega de equipa Joan Mir.

“Este pode ser um fim de semana positivo para nós, temos coisas suficientes para tentar vencer, e vamos aproveitar visto que será uma corrida seca, otima para melhorar a sintonia com a moto”.

Começou a época com alguns problemas, a lesão…

“O nosso objetivo vem mudando durante a temporada. Começamos os testes de pré-temporada com muita força. Éramos uns daqueles que podiam lutar pelo título. Como resultado da lesão, perdi essas expectativas. Depois de Aragão 1 recuperei, voltei a ser rápido, e em Aragão 2, disse para mim: ‘Porque que não lutar pelo pódio final?’

Ocupa o terceiro lugar no mundial, com os mesmo pontos do Fabio Quartararo. Vais lutar até ao fim pelo título?

É uma honra para mim ter opções para o título. Claro, é complicado e mais ainda com a regularidade que Joan está a tendo, mas tenho que ser positivo. Para tentar chegar a Portugal com possibilidades, Joan tem que acabar fora do pódio, o que é difícil por causa de como as duas Suzukis estão a andar rápido. Lutaremos pela segunda e terceira posição se não conseguirmos a primeira.”

E ordens de equipa, espera por isso na corrida de hoje?

“Não preciso de falar mais sobre isso, até porque Davide Brivio (chefe de equipa) deixou claro isso em Aragão. Podemos sempre lutar, sempre tendo respeito. Acho que me considero um piloto com respeito em pista. Poucos pilotos até hoje reclamaram de mim sobre qualquer ultrapassagem feia ou injusta que tenha feito. Vou lutar na corrida. Se estiver na mesma posição da última corrida, tentarei não cometer nenhum erro e vou tentar estar na frente da corrida”.

“Se eu for mais longe, por exemplo, tendo de ultrapassar Quartararo ou Mir continuarei a ser Alex de sempre nas ultrapassagens, mantendo o mesmo respeito. Não é por estar a lutar pelo campeonato do mundo, ou pelos três primeiros do campeonato que vou ser mais sujo,  desculpe a expressão. Temos que ter respeito por todos, eles são pilotos como eu e estamos a lutar arriscando as nossas vidas.”

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x