Moto2, Assen: Corrida louca de Moto2 termina com vitória de Fernandez

Por a 30 Junho 2019 20:42

O Grande Prémio de Assen trouxe muitas surpresas ao pódio de Moto2. Um final inesperado numa corrida em que foi Augusto Fernandez que acabou por levar a melhor, depois de ter saído da 13ª posição.

Remy Gardner saiu da pole position e tinha grandes possibilidades de lutar pelo pódio, tendo em conta o ritmo que mostrou durante o fim-de-semana. Na corrida as coisas foram bem diferentes pois, na primeira curva já tinha sido ultrapassado por Brad Binder. Quase caiu à terceira volta, o que viria a ser apenas o início dos seus problemas. Desceu várias posições e estava já fora do top 10 quando acabou por cair. O mesmo aconteceria pouco depois a Sam Lowes, que tinha tido uma das melhores prestações até à data. Chegou a liderar a corrida mas ficaria na curva nove depois de um toque com Jorge Martin. De realçar ainda a grande prestação do rookie da KTM que chegou a estar dentro do top 5 mas acabaria por cair pouco depois.

Na liderança estava ainda Brad Binder, com uma performance espetacular da sua KTM. Não tardou até que tivesse a companhia de Thomas Lüthi, depois Xavi Vierge e Augusto Fernandez, que acabaria por cometer um erro e descer para quinto.

A cinco voltas do final da corrida, Binder começa a ter dificuldades e recua até à quarta posição. Vierge, Bastianini, Lüthi e Fernandez estiveram envolvidos num incidente, sendo que os dois últimos conseguiram escapar sem cair. Com os candidatos à vitória a desaparecer um por um foi Alex Marquez que acabou por tomar a dianteira.

Lorenzo Baldassarri, depois de uma recuperação incrível durante a corrida estava na frente com o espanhol. Com o grupo da frente reduzido a quatro pilotos a pressão sobre Marquez aumentava a cada segundo.

Tudo correu mal quando, na penúltima volta, Baldassarri tenta a ultrapassagem ao espanhol, atirando os dois ao asfalto. Fernandez, que estava mais atrás, nem quis acreditar na oportunidade que tinha. Era agora líder, com Binder já longe e uma vitória quase certa. Cortou a meta em primeiro seguido do sul-africano que, a muito custo, conseguiu terminar no pódio. Luca Marini conseguiu fechar no terceiro lugar que apesar das melhorias durante o fim-de-semana nunca teria conseguido se não fosse a queda a duas voltas do final.

Fernandez não poderia ter ficado mais feliz com a sua primeira vitória na categoria. “Senti-me muito bem mas foi uma corrida difícil. Éramos um grupo muito grande e estava com medo das últimas voltas porque quase parecia Moto3, sempre com toques e ultrapassagens”, referiu o piloto que vai para Sachsenring com uma motivação extra.

Apesar de ter ficado satisfeito com o segundo lugar, Binder queria mais. “Senti-me muito bem no início e no meio da corrida, mas comecei a ter mais dificuldades a partir daí. Antes de começar a corrida já sabia que isso iria acabar por acontecer. A equipa esteve muito bem mas fico triste por não ter conseguido a vitória pois, estive muito perto mas fico feliz pelo pódio”.

Já Marini, no final da corrida, começou por dizer que não esperava terminar no pódio, depois de ter perdido muito tempo no início da prova. “Quando estava em sexto sabia que seria difícil chegar ao pódio mas concentrei-me e continuei a esforçar-me, pois poderia acontecer alguma coisa na frente da corrida. Foi precisamente o que se verificou.  Tive sorte. Foi um excelente pódio pois senti-me muito bem na moto durante a corrida”. Quanto a previsões para Sachsenring, Marini diz que está a tentar melhorar para poder voltar a lutar pelo pódio. “Será difícil mas tento melhorar a cada corrida e quero continuar assim. Estamos num bom caminho e espero continuar com estas boas sensações na próxima corrida.

Este pódio inesperado teve como consequência alterações significativas no campeonato. Não tendo pontuado em Assen, Alex Marquez deixou a liderança para Thomas Lüthi. O suíço não precisou de ir além do quarto lugar na corrida para seguir para o GP da Alemanha como líder do campeonato. Marquez passa assim para segundo, a apenas seis pontos. Mais perto do topo está agora Augusto Fernandez. O vencedor da corrida arrecadou pontos importantes que o colocam na terceira posição da classificação geral. Com menos vinte e cinco pontos que Lüthi, o espanhol está agora na luta pelo campeonato.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Moto GP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x