Marc Marquez: “Quando acionei o dispositivo traseiro, a direção trancou e não consegui evitar o Taka”

Por a 21 Setembro 2022 18:11

O piloto de fábrica da Repsol Honda, Marc Márquez fala da sua curta corrida de Aragão e da muito discutida colisão com o também piloto da Honda, Takaaki Nakagami.

O oito vezes campeão mundial regressou às corridas após 110 de paragem, mas a sua corrida no Motorland de Aragão terminou após apenas uma volta, após dois incidentes nas voltas iniciais onde esteve envolvido.

Qual era então a mentalidade de Marc Marquez para a corrida, largando do 13º lugar na grelha de partida, agir agressivamente desde o início? “A mentalidade foi a que tive durante todo o fim-de-semana, respondeu o #93 ao Speedweek. “Acumular quilómetros e tentar terminar a corrida, mas não alcancei esse objetivo porque só fiz uma volta.”

Após uma derrapagem da roda traseira, Quartararo bateu na sua traseira na terceira curva . O líder do campeonato voou para o asfalto e Marc Márquez seguiu em frente – mas parte da carenagem da M1 ficou presa na Honda.

“É verdade que a minha partida foi ótima, a largada funciona instintivamente”, disse Marc. “Comecei bem e depois fiquei na linha de fora – e acho que fiquei em sexto depois da primeira curva. Eu não esperava isso, e naquele momento disse a mim mesmo: ‘Ok, vamos ver como vai ser.’ Mas depois de apenas duas curvas, as coisas deram errado.”

O espanhol de 29 anos regressou às boxes para abandonar, enquanto há um ano travou uma batalha emocionante com Pecco Bagnaia em Aragão. Desta vez, foi Enea Bastianini que desafiou o piloto de fábrica da Ducati – com sucesso.

O segundo acidente de corrida aconteceu apenas algumas curvas depois, quando, após a curva 7, Marc Marquez colidiu com Takaaki Nakagami, que caiu e deslizou pelo asfalto. O gatilho para esta situação perigosa foi um problema técnico, que o piloto da Repsol Honda confirmou posteriormente.

“Pedi desculpas à equipa do Taka e expliquei-lhe por que isso aconteceu. Se apenas olharem de fora e não prestarem atenção aos pormenores, vêm que eu vou direto para o Taka. Mas não havia razão para isso, porque eu já estava à frente dele. Então, por que eu deveria virar à esquerda no meio da reta… Como já disse, quando acionei o dispositivo traseiro, pareceu-me que a direção trancou”, acrescentou Marc Márquez.

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x