MotoGP, Jerez: Crutchlow vai ser submetido a cirurgia artroscópica

Por a 20 Julho 2020 10:00

Os exames mostraram que o piloto britânico sofreu uma pequena fratura no osso escafóide esquerdo, mas continua com esperança de competir na Andaluzia.

O piloto britânico sofreu uma queda violenta na Curva 8 no final da sessão de Warm Up de 20 minutos e, apesar de estar de pé, foi levado para o hospital de Jerez para uma tomografia por precaução, que inicialmente mostrou resultados negativos.

No entanto, Crutchlow foi diagnosticado com traumatismo craniano e contusões no pescoço, com a equipa médica a decidir que, por razões de segurança, o britânico deveria descansar durante um mínimo de oito horas, excluído a sua participação no Grande Prémio de Espanha.

Imediatamente após a corrida de MotoGP, Crutchlow regressou ao hospital em Jerez para mais exames no pulso esquerdo, depois de sentir dores crescentes.

Os resultados da tomografia mostraram uma pequena fratura no osso escafóide esquerdo.

Em consulta com o pessoal médico do MotoGP, foi confirmado que Crutchlow será submetido a uma cirurgia artroscópica para inserir um pequeno pino de fixação para ajudar na cura. Dependendo dos controlos da equipa médica de MotoGP, Crutchlow poderá participar no GP da Andaluzia do próximo fim de semana, se tudo correr como planeado.

“Infelizmente esta manhã, na última volta do Warm Up, cai na Curva 8”, disse Crutchlow. “Parecia que quando travei, a frente da mota deslizou e não consegui salvar o acidente. O que ia ser um acidente normal escalou quando entrei na zona de gravilha e comecei a rebolar, batendo com a cabeça algumas vezes, particularmente na zona da cara. Fiquei um pouco atordoado depois do acidente, e um pouco dorido em todo o meu corpo, especialmente nas minhas mãos.”

“Depois de uma nova avaliação no centro médico, mandaram-me fazer uma tacografia na cabeça e no pescoço e tudo voltou bem. Com as nódoas negras faciais que tive, no entanto, o Dr. Angel Charté sentiu que precisava de umas oito horas de descanso, o que acho que foi a decisão certa.”

“Quando regressei ao circuito comecei a sentir alguma dor no pulso esquerdo, por isso fui fazer outra tomografia, que revelou este ter sido quebrado no acidente. O Dr. Mir vai operar o pulso em Barcelona na terça-feira de manhã, e eu voltarei ao circuito na sexta-feira e espero que à ação. Estou ansioso para ver a Equipa LCR Honda Castrol lá, e espero trabalhar duro com eles novamente no próximo fim de semana.”

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas MotoGP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x