MotoGP 2020: Jorge Lorenzo volta à Yamaha

Por a 30 Janeiro 2020 16:00

A Yamaha Motor Co., Ltd. e a Yamaha Motor Racing acabam de anunciar que o tricampeão mundial e o bem sucedido piloto da Yamaha Jorge Lorenzo virá reforçar a equipa de testes da Yamaha Factory Racing para a temporada 2020.

Lorenzo não é apenas um grande nome no paddock de MotoGP, mas também um piloto da Yamaha globalmente célebre. Ele estreou no MotoGP com a Yamaha em 2008 e passou nove anos na equipa oficial da MotoGP, vencendo os seus três títulos da categoria rainha na YZR-M1, em 2010, 2012 e 2015, respectivamente.

A partir do teste de abertura de MotoGP, a realizar em Sepang, na Malásia, de 2 a 4 de Fevereiro, Lorenzo vai pilotar de novo a YZR-M1. Ele também participará de outros testes oficiais da IRTA e de alguns testes privados da Yamaha este ano, com o único objetivo de ajudar os engenheiros da Yamaha no desenvolvimento de MotoGP para 2020. O espanhol é o homem perfeito para o trabalho, pois é conhecido pela sua pilotagem suave e precisa e feedback claro. Ele será apoiado na sua busca por inovação por Silvano Galbusera, que será chefe de equipa de testes de Lorenzo na Yamaha Factory Racing, como também já fora anunciado.

Até agora, não há planos de participações wild card para Lorenzo em 2020, mas a Yamaha está aberta à possibilidade, caso ele decida correr novamente.

Lin Jarvis, diretor administrativo da Yamaha Motor Racing, disse: “É claro que estamos felizes por receber Jorge de volta à Yamaha. Quando soubemos que ele ia parar a sua carreira ativa nas corridas, imediatamente começamos a pensar em fazer-lhe uma proposta para se juntar a nós.”

“As estatísticas de suas conquistas conosco nesses nove anos falam por si. Ele é um piloto de MotoGP muito experiente, que está familiarizado com a M1 e o pessoal da Yamaha. Conhecemos Jorge como um piloto muito preciso e motivado, com consistência impecável e bom conhecimento técnico: todas as qualidades que se precisa em um piloto de teste neste alto nível.”

“Combinar a experiência, o conhecimento e a velocidade de pilotagem do Jorge com o experiente chefe de equipa Silvano Galbusera é um elemento importante na estratégia da Yamaha para fortalecer a equipa de teste, que visa preencher a lacuna entre os engenheiros e pilotos de teste no Japão e a equipa de MotoGP da Yamaha Monster Energy. “

Jorge Lorenzo: “Estou muito feliz com a decisão de ingressar na Yamaha Factory Test Team. Eu sempre planeava envolver-me no MotoGP e regressar ao paddock, e acho que esse é um papel adequado para mim. Conheço a equipa e a M1 bem. A Yamaha adapta-se ao meu estilo de pilotagem, e será muito interessante  ir encontrar a minha moto anterior novamente.”

“Voltar à Yamaha traz boas lembranças. Conseguimos muitos pódios e vitórias e três títulos juntos, e sabemos onde estão os nossos pontos fortes. Quero agradecer à Yamaha por esta oportunidade, porque isso me permite fazer o que eu amo – pilotar motos e esticar os limite – enquanto desfruto de um estilo de vida um pouco mais calmo do que nos anos anteriores.”

“Estou muito motivado para trabalhar e mal posso esperar para começar a pilotar. Quero fazer o meu melhor pelo futuro da Yamaha e espero que a minha experiência seja útil para os engenheiros e pilotos da Yamaha em dar o título de volta à Yamaha”.

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas MotoGP
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png