MotoGP, Qatar, Doha: Miller e Bagnaia à frente, Oliveira 11º à bandeira no TL2

Por a 2 Abril 2021 19:15

Miguel Oliveira chegou a aparecer em segundo na segunda sessão livre e depois aguentou uma boa parte da sessão nos primeiros seis lugares, mas a carga final acabou por o deixar em 11º a seguir a Bradl

Martin, Rins e Quartararo foram líderes iniciais, mas a um quarto de hora do final, Miller comandava, seguido de Bagnaia e Zarco, e com Martin em 5º também, atrás da Yamaha de Quartararo, isso fazia um resultado incrível para a Ducati de 4 nos primeiros 5!

Aleix Espargaró, Morbidelli Rins e Viñales estavam ainda nos primeiros 10 com Pol Espargaró a aparecer em 10º.

No entanto, um minuto depois tudo tinha mudado, com Miller ainda à frente com o tempo mais rápido de 1:53.145 e Miguel Oliveira, que tinha selecionado um slick macio dianteiro e médio traseiro, aguentou-se no top 10 no limite, a 799 milésimas do tempo da frente.

Porém, não estava acabado, pois já com a bandeira a ser mostrada, houve pequenas mudanças no derradeira volta e Oliveira acabaria em 11º em mais uma exibição de força das Ducati.

Notar que, em 12º a seguir a Oliveira depois de liderar a sessão 1, e com Binder 18º e Lecuona último, Petrucci se está rapidamente a tornar um fenómeno entre a armada KTM.

2 1 vote
Article Rating
2 Comentários
antigo
recente mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
FanMotores
FanMotores(@fa14031639)
1 ano atrás

Gostava de perceber porque é que o Miguel desiste quase sempre da última volta, quando quase toda a gente é nessa volta que faz o melhor tempo!! estava em 6º no fim da sessão e acaba em 11º a 30 milésimos do 10º!!!!!!

Ensaios
últimas Motosport
Motomais
2
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x