MotoGP, 2021, Jerez: As Suzuki de Rins e Mir nos três primeiros

Por a 4 Maio 2021 17:38

A equipa Suzuki Ecstar permaneceu, com o restante do paddock de MotoGP, no Circuito de Jerez – Angel Nieto para um teste oficial de um dia, na segunda-feira a seguir ao GP de Espanha. Alex Rins e Joan Mir averbaram o segundo e terceiro melhores tempos, aproveitando para experimentar o motor com especificações de 2022. 

Os pilotos começaram cedo o dia e o foco principal esteve na área do motor, com Alex Rins e Joan Mir a passarem o tempo a experimentar o motor Spec. 2022 e a dar muitas voltas.

Alex Rins completou 59 voltas ao circuito. Teve um ritmo forte, liderou a sessão de testes durante a maior parte da tarde, tendo definido uma volta muito rápida de 1’36.913, a sua mais rápida no circuito. Rins relatou grandes sentimentos e sentiu que a afinação da base da moto tinha sido melhorada. Ficou contente por terminar a sessão em segundo depois de um domingo decepcionante no circuito. 

“Hoje foi um bom dia para nós, tentámos várias coisas, incluindo experimentar o motor de 2022”, comentou Rins. “Fiquei contente e confiante com a moto e satisfeito com a forma como tudo correu. Também trabalhámos no set-up em termos de suspensão e algumas pequenas coisas, e sinto que melhorámos a nossa base. Consegui regularmente tempos rápidos mesmo em pneus usados, mais rápido do que ontem, por isso estou contente com o resultado”.

Joan Mir fechou o dia em terceiro com um melhor tempo de 1’37.310. O atual campeão do mundo trabalhou na geometria da moto, bem como no motor, trabalhando especificamente na parte da frente e conseguindo uma melhor sensação. Fez também algum trabalho na suspensão traseira. O seu ritmo foi consistente e rápido, e deu um total de 64 voltas ao circuito.

“Honestamente, penso que tivemos um grande dia, fizemos muito trabalho e estou a sentir-me feliz”, disse Mir. “Voltámos a experimentar o motor de 2022 e encontrámos o que esperávamos – que não é muito diferente, mas é uma melhoria, e as características eram as que esperávamos. Levámos muita informação útil. Também experimentei geometria diferente na moto para tentar obter uma melhor sensação da frente da moto, e estou contente com o que fizemos. Os meus tempos por volta foram bastante agradáveis, e foi um dia muito útil”.

A equipa olha agora para a próxima corrida, o GP de França em Le Mans, de 14 a16 de Maio.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x