MotoGP, 2020, Europa: Dobradinha Suzuki num dia perfeito para Mir

Por a 8 Novembro 2020 23:30

A equipa Suzuki Ecstar desfrutou do que poderia ser descrito como um ‘domingo perfeito’ no circuito Ricardo Tormo. Após uma corrida controlada de fio a pavio pelas duas Suzuki, Joan Mir estreou-se a vencer em MotoGP acompanhado pelo seu colega de equipa Alex Rins. Um ‘1-2’ num domingo perfeito.

Entrando na corrida com uma vantagem de 14 pontos no campeonato, Mir geriu bem a pressão. A partir do seu quinto lugar na grelha de partida, passou para quarto, pouco depois subia a terceiro, e quatro voltas depois fez uma ultrapassagem magistral a Pol Espagaró para se juntar ao seu colega Rins na frente da corrida.

O piloto de Palma de Maiorca mostrou um ritmo de corrida fenomenal e na volta 17 passou por Rins na Curva 11 para assumir a liderança. A partir daí não mais olhou para trás, e surpreendentemente ele estabeleceu a sua volta mais rápida na volta 20. Com uma condução suave e confiante, Joan Mir tinha a cinco voltas do final uma vantagem de cerca de um segundo sobre Alex Rins.

Com este triunfo o piloto #36 da Suzuki alarga no campeonato para 37 pontos a sua vantagem sobre Fabio Quartararo e Alex Rins, tendo na mão a oportunidade de chegar ao título mundial de MotoGP dentro de uma semana no Grande Prémio da Comunidade Valenciana, de novo na região de Cheste.

O Team Suzuki Ecstar tem agora três pódios duplos consecutivos seguidos, mas é a primeira vez que a Suzuki tem um resultado 1-2 desde o GP da Alemanha de 1982 – quando Randy Mamola, Virginio Ferrari e Loris Reggiani subiram ao pódio. A equipa Suzuki também lidera o Campeonato das Equipas e o Campeonato dos Construtores.

Joan Mir:

“Estou tão feliz, a equipa e eu organizamos um fim-de-semana perfeito! É difícil dar 100% quando se luta por um título, porque é preciso ser sempre um pouco cauteloso, mas hoje vi a oportunidade da minha vitória de estreia e tive de a aproveitar. Eu sabia o que tinha de fazer, e senti-me realmente bem com a minha moto.

Não tenho palavras para descrever como é incrível ser um vencedor de uma corrida de MotoGP, e isso dá-me um impulso extra, especialmente depois de um fim-de-semana complicado em termos de condições. As coisas ainda estão perto no topo, por isso preciso de me manter concentrado e continuar a trabalhar para o próximo fim-de-semana”.

Davide Brivio – Chefe de Equipa:

“Foi uma corrida inacreditável, há muito tempo que sonho com um pódio 1-2 da Suzuki e hoje conseguimos! Muito obrigado a toda a equipa, e ao Joan e Alex, claro! Estamos a fazer algo fantástico esta época – estamos a liderar os três campeonatos e os nossos pilotos estão fortes. Gostaria de manter esta sensação maravilhosa, mas ainda temos duas corridas em que temos de nos concentrar, por isso vamos manter a calma e concentração. Vamos tentar continuar assim”!

CLASSIFICAÇÃO GP DA EUROPA:

1. J. MIR – Team SUZUKI ECSTAR – 41:37.297

2. A. RINS – Team SUZUKI ECSTAR – +00.651

3. P. ESPARGARO – Red Bull KTM Factory Racing – +01.203

4. T. NAKAGAMI – LCR Honda IDEMITSU – +02.194

5. M. OLIVEIRA – Red Bull KTM Tech 3 – +08.046

6. J. MILLER – Pramac Racing – +08.755

7. B. BINDER – Red Bull KTM Factory Racing – +10.137

8. A. DOVIZIOSO – Ducati Team – +10.801

9. J. ZARCO – Esponsorama Racing – +11.550

10. D. PETRUCCI – Ducati Team – +16.803

11. F. MORBIDELLI – Petronas Yamaha SRT – +17.617

12. S. BRADL – Repsol Honda Team – +24.350

13. M. VIÑALES – Monster Energy Yamaha MotoGP – +25.403

14. F. QUARTARARO – Petronas Yamaha SRT – +39.639

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x