Dorna deixa de ter comissário técnico nos Grandes Prémios

Por a 26 Janeiro 2016 17:09

Depois da polémica no final da temporada de 2015, entre Valentino Rossi e Marc Márquez, a Dorna, detentora dos direitos comerciais do MotoGP, decidiu tomar a decisão de não voltar a contar com um delegado entre os comissários oficiais da direção de prova de cada Grande Prémio, de forma a evitar críticas como as realizadas recentemente por Phil Read.

O CEO da Dorna, Carmelo Ezpeleta justificou ao jornal Marca a nova postura, afirmando que: “Tomamos um conjunto de medidas que vão ser tornadas públicas quando forem aprovadas pela Comissão de Grandes Prémios. É um trabalho que parece tornar nossa vida apenas mais complicada e algo que nós não precisamos”, sublinhou Ezpeleta ao jornal espanhol.

Ezpeleta confirmou ainda que tentou aliviar a tensão entre Rossi, Lorenzo e Márquez, embora não considere que seja esse o seu trabalho.”Eu falei com eles. Depois os ânimos terem esfriado, eles têm de saber que são adultos e que têm de fazer o que eles pensam que têm de fazer. Eu estive com Márquez na Áustria e com Valentino em Barcelona. A maioria sabe o que aconteceu, mas não vale a pena continuar falando sobre isso.”

Quanto à decisão de não revelar a telemetria de Sepang, o homem forte da Dorna deixou claro que: “ A Honda tinha uma telemetria. A FIM considerou que estando sujeita à decisão do Tribunal Arbitral do Desporto não fazia falta e agora a FIM pediu à Honda que não revele porque não adianta nada e só pode complicar as coisas”.

0 0 vote
Article Rating
1 Comentário
antigo
recente mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
trackback
5 anos atrás

[…] por fora a noticia do dia surgiu através de Carmelo Ezpeleta. O CEO da Dorna veio deixar claro que a empresa promotora do MotoGP, afinal não esqueceu as […]

Ensaios
últimas Moto GP
últimas Motosport
Motomais
1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x