Dakar 2022, Ruben Faria (Honda): “Terminámos com a cabeça erguida”

Por a 15 Janeiro 2022 19:05

O piloto da Honda Pablo Quintanilla venceu a etapa final do Rali Dakar para conseguir o segundo lugar na geral, ficando a apenas três minutos e meio do vencedor. Todos os quatro pilotos terminaram a prova, entre os sete primeiros, e os mecânicos da equipa não tiveram de fazer horas extra, uma vez que as quatro motos completaram a prova sem problemas mecânicos.

Para Ruben Faria, chefe da equipa Monster Energy Honda, todos deram o máximo e, portanto, devem estar de cabeça erguida e prontos já para o próximo desafio no Rally de Abu Dahbi.  

“Antes de mais, desejo felicitar toda a equipa pelo trabalho realizado neste Dakar que foi uma corrida tão dura. Conseguimos vencer as duas últimas edições e neste 2022 terminámos em segundo lugar, mas lutámos até ao fim pela vitória. No final foi muito satisfatório, pois colocámos os quatro pilotos entre os sete primeiros. Na primeira semana começámos com uma desvantagem, começando com o prólogo. O melhor piloto nessa primeiro especial foi Pablo Quintanilla, que foi também o melhor piloto da nossa equipa, terminando no segundo lugar da geral. Para mim, o prólogo condicionou o primeiro dia, que teve um ponto de passagem muito difícil e onde se perdia muito tempo. O resultado desse prólogo significou que não começámos bem naquelas etapas iniciais do Dakar.

A primeira semana foi difícil para nós, mas estávamos sempre a lutar e a trabalhar para melhorar passo a passo. Teríamos gostado de ter mantido o título, mas este segundo lugar foi realmente difícil e tem um grande valor para a equipa. Há uma dura competição entre as marcas e os pilotos de diferentes equipas. Temos de trabalhar mais arduamente e melhorar em todos os aspectos.

Terminamos com a cabeça erguida, todos deram o máximo nas suas respectivas funções. Este Dakar foi realmente duro, com longas e duras etapas especiais e com tudo o que um Dakar deveria ter. Por último, mas não menos importante, gostaria também de felicitar a equipa que finalmente pôde vir do Japão apesar do Covid. Eles estiveram connosco e também trabalharam arduamente. Quero agradecer especialmente a Taichi Honda por estar sempre ao nosso lado.”

A próxima corrida para a equipa Monster Energy Honda está agendada de 5 a 10 de Março para o Abu Dhabi Desert Challenge.

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x