Moto2: Lecuona assina com a RedBull KTM Ajo

Por a 1 Agosto 2019 09:15

Depois da confirmação de Tito Rabat na Reale Avintia Racing agora foi a vez de Iker Lecuona trazer novidades. O piloto espanhol assinou contrato com a RedBull KTM Ajo até 2021 e mostrou-se muito satisfeito como o desafio que tem em mãos. Lecuona será então o substituto de Brad Binder que segue, no próximo ano, para a categoria rainha, para se juntar a Miguel Oliveira. O espanhol terá como companheiro de equipa, o seu compatriota, Jorge Martin.

“Estou muito feliz por assinar com a RedBull KTM Ajo para as próximas duas temporadas. Ir para uma equipa oficial é um passo que todos os pilotos querem dar e nós conseguimos. Trabalhámos muito para lá chegar. Vamos dar o máximo como sempre, assim como irá acontecer na presente temporada com a minha equipa actual (American Racing Team KTM), aquém estou muito grato pela oportunidade que me deram.”

Iker Lecuona não tem tido um ano espectacular até ao momento mas a garantia de um lugar na KTM para as próximas duas épocas irá certamente dar-lhe mais alguma confiança. Das nove corridas já realizadas na primeira metade da temporada, o espanhol apenas pontuou em quatro. Em duas das cinco restantes não chegou a terminar a primeira volta. Não tem sido fácil para Lecuona que teve a sua melhor corrida logo no início do ano, na Argentina. Partiu da 15ª posição para terminar em quarto. Conseguiu também uma excelente recuperação em Le Mans, subindo de 22º para nono.

O piloto espanhol está, neste momento, na 16ª posição no campeonato de Moto2. No entanto, os seis pilotos que se encontram à sua frente na geral são ainda possíveis de alcançar. Na 10ª posição está Nagashima com apenas 18 pontos de vantagem sobre Lecuona.

No ano passado, Iker Lecuona terminou o GP da República Checa na 13ª posição. Veremos o que consegue fazer este ano.

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Newsletter
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png