MotoGP – Jorge Lorenzo: “Temos de trabalhar mais o chassi e menos o motor”

Por a 3 Maio 2017 10:27

Jorge Lorenzo continua a revelar dificuldades na adaptação à Ducati e longe dos resultados que se esperavam do espanhol na sua nova equipa.

A verdade é que Lorenzo está longe de se revelar confortável aos comandos da Desmosedici embora continue a fazer todo o possível para se adaptar à sua nova moto.

Talvez por isso, Lorenzo já lembrou que a Ducati terá de se adaptar ao seu estilo já que existem muitas diferenças entre a sua antiga moto e a nova Desmosedici GP17.

 “A Yamaha e a Ducati são dois fabricantes distintos, com duas filosofias diferentes. Yamaha sempre foi obcecada com o chassi, para tornar a vida do piloto mais fácil. A Ducati, por seu lado, nos últimos dez anos optou por produzir um motor mais potente e gerir essa opção com bons resultados ao nível da electrónica. Talvez seja necessário mudar essa prioridade, “explicou Jorge Lorenzo em entrevista ao ‘Motorsport’.

Basicamente, o piloto espanhol quer alterações ao nível do chassi da sua Desmosedici: “Para além de desenvolvermos ainda mais o motor, temos de tentar novas opções de chassis de forma a facilitar a travagem e o comportamento da moto em curva para que o piloto tenha um melhor sentimento com a moto impedindo que não estejamos sempre a perder a frente da moto”.

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Moto GP
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png