MotoGP – Andrea Dovizioso ainda à procura da vitória com a Ducati

Por a 3 Agosto 2016 12:41

A cumprir a sua quarta temporada ao serviço da Ducati na classe rainha, Andrea Dovizioso não teve uma primeira metade de época nada fácil. Depois de arrancar com um promissor segundo lugar na primeira corrida do ano, o GP do Qatar, o piloto italiano entrou numa fase difícil que levou mesmo  a três abandonos consecutivos, algo que nunca tinha acontecido na sua carreira na classe rainha. Se em Losail, Dovizioso já esteve envolvido num toque com o seu colega, Andrea Iannone, e que originou o abandono deste, o que aconteceu na prova seguinte em Termas de Río Hondo (Argentina) ficará gravado como um dos momentos do ano pela negativa.

Na última volta e numa fase em que os dois pilotos estavam a discutir o segundo  lugar, Andrea Iannone abalroou Andrea Dovizioso já nas últimas curvas do traçado argentino, o que deixou os responsáveis da marca de Borgo Panigale com os cabelos em pé. Iannone acabou por abandonar, enquanto que Dovizioso cruzou a linha de meta a pé junto da sua moto.  Depois deste episódio caricato seguiram-se mais dois abandonos e isto numa fase em que viu confirmada a sua continuidade na Ducati para o próximo ano, onde fará equipa com o reforço Jorge Lorenzo.

Andrea Dovizioso regressou aos pontos no seu GP de Itália, onde foi quinto. Depois do sétimo lugar em Barcelona num fim de semana em que a Desmosedici GP 16 teve dificuldades de competitividade, o campeão do Mundo de 125cc em 2004 obteve a primeira pole do ano em Assen. Contudo na corrida foi vítima da tempestade que se abateu sobre o traçado holandês. Na ronda seguinte, em Sachsenring, Dovizioso liderou grande parte da corrida, no entanto uma paragem tardia nas boxes para trocar de moto comprometeu uma possível vitória, tendo de se contentar com o terceiro.

Volvida a primeira metade da época, o Andrea Dovizioso continua à procura de quebrar o jejum de vitórias da Ducati no Mundial, que já dura desde o GP da Austrália de 2010. O piloto italiano já demonstrou várias vezes toda a sua rapidez, mas tem existido sempre algo que coloca um entrave a um bom resultado. O facto de já saber que vai continuar a representar a Ducati poderá ajudar a libertar Dovizioso para melhores exibições.

 

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Moto GP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x