MotoGP, 2021: Teste de Sepang à espera da luz verde, Portimão possível substituto

Por a 27 Dezembro 2020 16:00

As equipas de MotoGP esperam realizar o teste de Sepang na Malásia de 19 a 21 de Fevereiro, mas as taxas de infeção na Ásia estão a aumentar de novo

Em meados de Janeiro, deverá ser tomada uma decisão, com Jerez ou Portimão disponíveis como locais alternativos

Até agora, as equipas de MotoGP e a organização do Campeonato do Mundo, da Dorna Sports S.L. mantêm a data do primeiro teste de inverno antes da temporada de 2021.

O teste no Circuito Internacional de Sepang vai decorrer de 19 a 21 de Fevereiro, onde também seria apresentada a recém-formada equipa da Yamaha Petronas SRT com Valentino Rossi e Franco Morbidelli.

De facto, os operadores do circuito da Malásia tinham um prazo limite de início de Dezembro para chegar a acordo com as autoridades sanitárias da Malásia sobre se permitirão a entrada de equipas de MotoGP sem quarentena.

Este compromisso não pôde ser assumido, pelo que, o mais tardar, em meados de Janeiro, deverá ser tomada uma decisão. Caso contrário, Jerez ou Portimão estariam disponíveis como locais alternativos.

Desde o passado domingo, a nova mutação do coronavírus, que se diz ser ainda mais infecciosa tem vindo a propagar-se do Reino Unido e a maioria dos países e as suas companhias aéreas deixaram de voar para Inglaterra. Isso poderia colocar problemas a muitos membros das equipa britânicas devido às restrições de viagem.

Os participantes do Dakar Rali de 3 a 15 de Janeiro na Arábia Saudita já estão atualmente a sofrer com isso. Os participantes foram transportados para Riade depois do Natal em voos charter de Munique, Paris e Barcelona.

Tiveram de mostrar previamente um teste de PCR negativo, fazer outro teste à chegada e depois entrar em quarentena durante três dias. Os participantes vivem numa bolha e nem sequer estão autorizados a ficar em hotéis. Os pilotos de fábrica passam a noite em autocaravanas, e a maioria dos mecânicos e privados em tendas.

As taxas de infeção têm vindo a aumentar em toda a Ásia há semanas, incluindo na Tailândia, Coreia do Sul e especialmente no Japão. Como resultado, teme-se que os gestores e engenheiros japoneses tenham de lidar com as restrições de viagem num futuro previsível, incluindo para a viagem ao teste de Sepang.

O Japão está neste momento a combater a terceira vaga.

Se membros bem conhecidos das equipas Honda, Yamaha e Suzuki não puderem viajar, teme-se uma confusão semelhante ao GP do Qatar de 2020, que teve de ser cancelado para a classe de MotoGP porque os italianos teriam estado em quarentena durante 14 dias à chegada.

Assim, a decisão final sobre o Teste de Sepang 2021 será tomada em meados de Janeiro.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x