MotoGP, 2021: Andrea Dovizioso testa a Aprilia RS-GP em Jerez

Por a 17 Março 2021 16:30

A Aprilia Racing acaba de confirmar que o vice-campeão de MotoGP e ex-piloto de fábrica da Ducati, Andrea Dovizioso, vai testar a nova RS-GP em abril, no âmbito de um teste privado em Jerez

“Aceitei de bom grado o convite para voltar a andar numa moto de MotoGP, para continuar a treinar e, ao mesmo tempo, dar o meu feedback aos técnicos.”

Andrea Dovizioso e a Ducati seguiram caminhos separados após a temporada de 2020.

O italiano de 34 anos acabou por anunciar os seus planos para tirar um ano sabático devido à falta de alternativas competitivas e atualmente compete regularmente em corridas de motocross a nível regional, numa  Yamaha 250.

Agora sabe-se o vice-campeão de 2017, 2018 e 2019 vai andar numa moto de MotoGP pela primeira vez:

De 12 a 14 de abril, o 24 vezes vencedor de um GP vai testar em Jerez a Aprilia RS-GP, com a qual Aleix Espargaró terminou o teste do Qatar na semana passada no 6º lugar da lista de tempos combinados.

No entanto, o diretor de corrida da Aprilia, Massimo Rivola, deixou claro:

“Foi um prazer convidar o Andrea. Os dias em Jerez são simplesmente uma oportunidade para nos conhecermos melhor, mesmo na pista. Não se trata de um “casamento experimental”, mas apenas de uma oportunidade de fazermos algumas voltas juntos sem quaisquer obrigações para o futuro. Todos sabemos o valor de Andrea, a sua contribuição será importante, mesmo para um único teste.”

“Fiquei satisfeito com o interesse da Aprilia”, explicou Dovi. “Quando falámos sobre a possibilidade deste teste, aceitei de bom grado o convite para voltar a andar numa moto de MotoGP, para continuar a treinar e, ao mesmo tempo, dar o meu feedback aos técnicos. Gostaria de agradecer à Aprilia Racing por esta oportunidade.”

Lembrar que o fabricante de Noale teve de ocupar o segundo lugar da equipa de fábrica permanente, porque a suspensão de Andrea Iannone foi ampliada para quatro anos em novembro.

A decisão contra Bradley Smith e a favor de Lorenzo Savadori foi tomada dentro da equipa.

No teste do Qatar, no entanto, a Aprilia não tinha um piloto de testes.

Savadori, que ainda sofre de uma lesão no ombro, foi 26º na lista de tempos combinados com mais 2,571 segundos que o melhor tempo de Jack Miller.

Dovizioso rejeitou as ofertas do piloto de testes no outono do ano passado (“Ainda tenho a ambição de correr e lutar pela vitória”).

Nesse papel, no entanto, ele poderia contestar até cinco corridas como wildcard para a “equipa de concessão” Aprilia.

Os meios de comunicação italianos, em particular, consideram o teste privado como uma primeira análise, tendo em conta o esperado regresso de Dovi ao MotoGP como piloto regular em 2022.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x