MotoGP, Austrália: Viñales liderou minoria na FP3

Por a 26 Outubro 2019 01:52

45 minutos de FP3 começaram para as MotoGP com o tempo cada vez mais ameaçador, e seguiu-se uma fase estranha de compasso de espera, com pouquíssimas motos a sair para a pista, praticamente só Zarco, Espargaró, Morbidelli e Crutchlow, que entrou e saiu…

Estariam seguros da presença de chuva mais adiante e portanto a considerar inútil treinar a seco? Ou satisfeitos com os tempos dos treinos do dia anterior?

A 14 minutos do fim, as Suzuki saíram para a pista, Mir a fazer uma volta tentativa como se as condições não permitissem pilotar a 100%, mas então houve um regresso gradual ao traçado, com Zarco seguido de Márquez, que logo 2 voltas depois se colocou à frente por 0,4s e com Mika Kallio a entrar em pista, continuavam só 6 pilotos com tempos creditados na tabela.

Agora era Bagnaia, como se só um piloto de cada vez pudesse regressar ao traçado, e logo Viñales e Miller também, o Espanhol a colar-se a Márquez em segundo quando Quartararo aparecia também a 4 minutos do final.

Rossi, Oliveira e as Ducati não tinham saído, e o Top 3 era Márquez, Viñales e Espargaró.

Márquez ia baixando o tempo, agora com um 1:31.577, atingindo 342 Km/h no final da reta, mas já com a bandeira à vista, Viñales fez um 1:31.338 para acabar à frente.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas MotoGP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x