Moto2, Aragón, FP2: Marini, mas Fernandez mantém vantagem

Por a 20 Setembro 2019 16:11

Apesar de não ter conseguido melhorar o tempo da volta na Moto2, Augusto Fernandez (FlexBox HP 40) ficou à frente hoje, graças ao seu tempo na FP1. O tempo do espanhol de 1:52.474 é suficiente para liderar do segundo mais rápido Luca Marini (SKY Ra VR46), com Lorenzo Baldassarri (FlexBox HP 40) completando os três primeiros no Dia 1.

Tanto Fernandez como Marini tiveram mais de 6/10 de vantagem na FP2 de MotorLand Aragón e, em grande parte, em termos de pilotos melhorando os tempos por volta durante a tarde, a sessão foi tranquila.

No entanto, depois de terminar a FP1 em sexto lugar, Sam Lowes (Federal Oil Gresini) conseguiu melhorar o seu tempo combinado para subir para os 3 primeiros atrás de Fernandez e Marini, com o líder do campeonato Alex Marquez (EG 0,0 Marc VDS) melhorando o tempo para voltar à quarta posição depois do piloto britânico o colocar em quinto lugar.

Tom Lüthi (Dynavolt Intact GP) colocou a sua Kalex em 4º nos tempos combinados antes de parar na pista com um problema. A sessão terminou para o suíço, enquanto Marini estava ocupado na volta mais rápida da sessão – mas não da geral.

Baldassarri terminou em terceiro na FP1 e logo se viu de volta à mesma posição nos combinados, enquanto o relógio passava na FP2. Enquanto isso, Fernandez estava lutando para encontrar um tempo rápido à tarde mas continuaria a ser o mais rápido na geral.

Apesar de liderar a FP2, Marini não bayeu o seu tempo da manhã, e permanece atrás de Fernandez. O 2º de Baldassarri na FP2 significa que os três primeiros da geral são os três primeiros da FP1, mas o último conseguiu encontrar tempo durante a tarde para diminuir a diferença de 0,8 para 0,6s. O bom dia de Lowes continuou no FP2, o britânico encontrou três décimos para subir de 6º para 4º.

O líder da corrida pelo título, Alex Márquez, fica a mais de seis décimos do seu principal rival no Dia 1 no seu Grande Prémio de casa, mas o espanhol caiu um lugar para 5º.

Nicolo Bulega (SKY VR46) e Iker Lecuona (KTM American Racing) – o principal piloto da KTM no Dia 1 – subiram na classificação combinada durante os 10 minutos finais do FP2 de fora do top 10, com Lecuona melhorando drasticamente do seu 19º na FP1.

Lüthi conseguiu acabar em 8º apesar do seu drama tardio, com Brad Binder (KTM Red Bull Ajo) terminando em nono na FP1 e FP2.

Tetsuta Nagashima da ONEXOX terminou em 10º

Se o tempo estiver seco amanhã, os pilotos atualmente fora dos 14 primeiros terão uma hipótese de subir. Se tivermos um aguaceiro, os 14 melhores de sexta-feira serão os pilotos qualificados na Q2.

 

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Moto2
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png