SBK, 2020: Redding o mais rápido ao fim do dia

Por a 9 Julho 2020 14:30

Scott Redding contra Jonathan Rea e Ducati contra Kawasaki fizeram as manchetes no dia de abertura do teste de SBK no Circuito de Barcelona-Catalunha.

Enquanto o Campeonato do Mundo de Superbike se aproxima do recomeço, equipas e pilotos voltaram ontem à pista no Circuito de Barcelona-Catalunha para o primeiro de dois dias de testes.

Kawasaki e Ducati ocuparam três dos quatro primeiros lugares, com Scott Redding (Ducati Aruba) a liderar Jonathan Rea (Kawasaki Racing Team) por pouco mais de um décimo de segundo e com os cinco fabricantes entre os seis primeiros.

As temperaturas da pista ultrapassaram os 47 graus na sessão da tarde e demoraria até aos últimos 15 minutos da sessão para que os tempos começassem a melhorar no topo das tabelas.

Redding foi o mais rápido no fim, tirando mais duas décimas para liderar as tabelas da sessão da tarde. O campeão Rea foi segundo na geral, com a dupla em luta para ser o mais rápido no primeiro dia.

Loris Baz, da Yamaha Ten Kate, terminou a sessão em terceiro lugar na sua Yamaha, a pouco mais de duas décimas do tempo mais rápidd do dia de Redding, e foi o piloto mais rápido da Yamaha no dia, além de também completar 100 voltas.

O resultado afastou o líder do Campeonato, Alex Lowes da Kawasaki, que terminou no quarto lugar do dia.

Álvaro Bautista, da Honda HRC, completou o top 5 com Tom Sykes (BMW Motorrad) a terminar em sexto lugar. Sykes estava a testar com o seu novo chefe de boxe, Ian Lord, no circuito de Montmeló, com o campeão de 2013 a bater o colega de equipa Eugene Laverty por quatro décimos de segundo.

Sandro Cortese da Kawasaki TPR também melhorou na sessão da tarde para terminar o dia no sétimo lugar, com Chaz Davies, da Ducati Aruba e Toprak Razgatlioglu da Yamaha Pata, logo atrás, os dois pilotos separados por uma décima.

Para a sensação turca Razgatlioglu, ontem foi um caso de voltar à velocidade depois de Phillip Island; desde então, Razgatlioglu só tinha andado numa pequena pista na Turquia.

O companheiro de equipa de Razgatlioglu na Yamaha, Michael van der Mark, foi 11º, ao fazer o Circuito de Barcelona-Catalunha 1,2s mais lento do que o líder Redding.

Tal como o seu colega de equipa, van der Mark não andava numa SBK desde Phillip Island; a sua única saída para a pista tinha sido numa  moto de origem em Assen.

Leon Haslam do Team HRC conseguiu voltar a andar após a queda na sessão matinal, para terminar no 12º lugar da geral, completando 29 voltas na sessão da tarde e 53 voltas no total.

Haslam terminou à frente de Leandro ‘Tati’ Mercado da Motocorsa Racing Team e de Garrett Gerloff da Yamaha GRT.

Gerloff ficou classificado em 14º lugar na geral, mas melhorou significativamente na sessão da tarde, uma vez que subiu até ao quinto lugar antes dos tempos começarem a cair.

Federico Caricasulo da Yamaha GRT, Maximilian Scheib da Orelac Racing e Sylvain Barrier da Brixx Performance Ducati, completavam o campo quando o dia de testes chegou ao fim.

Top 6 após o primeiro dia:

  1. Scott Redding (Ducati Aruba) 1:41.727
  2. Jonathan Rea (Kawasaki Racing Team SBK) +0,183
  3. Loris Baz (Ten Kate Racing Yamaha) +0,253
  4. Alex Lowes (Kawasaki Racing Team SBK) +0,591
  5. Álvaro Bautista (Team HRC) +0,593
  6. Tom Sykes (BMW Motorrad SBK Team) +0,728
0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Mundial Superbikes
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x