Dakar 2017, etapa 11: Mexidas no Top 10

Por a 13 Janeiro 2017 22:01

Os 292 quilómetros cronometrados da penúltima etapa do Dakar voltaram a trazer algumas mudanças entre os 10 primeiro da geral que podem desta vez ser decisivas, já que amanhã o Dakar vai ter a sua derradeira tirada e consagrar o vencedor em Buenos Aires.

No primeiro lugar nada de novo com Sam Sunderland a comandar as operações e a estar mais perto da sua primeira vitória no Dakar, e tem agora 33m09s para o segundo classificado, que é Matthias Walkner. O piloto austríaco não vai contudo poder descansar na última etapa do Dakar já que o espanhol, Gerard Farrés Guell,  continua a realizar uma corrida imaculada e  está a escassos quatro minutos do lugar do meio do pódio, tendo chegado ao terceiro lugar no final da 11ª etapa em troca com Adrien Van Beveren, que foi penalizado em 1 minuto e que por isso, tudo vai fazer amanhã para recuperar a terceira posição da geral.

Com a guerra pela segunda posição  entregue a três pilotos que estão separados por cinco minutos, Joan Barreda (Honda) manteve a quinta posição que conquistou ontem a 47m31s do líder da prova, enquanto  Paulo Gonçalves voltou a ganhar uma posição sendo agora sexto classificado na frente de Pierre Renet (Husqvarna) que ocupa a sétima posição. Xavier de Soultrait teve um dia difícil ao ter problemas com o motor da sua Yamaha e perdeu o lugar que ocupava entre os 10 primeiros não sendo certo que consiga terminar o Dakar.

Desta forma a oitava posição da geral é agora ocupada por Franco Caimi (Honda), o melhor estreante em prova, enquanto Hélder Rodrigues (Yamaha) subiu para o nono lugar na frente de Joaquim Rodrigues (Hero) que voltou a entrar no top 10 ocupando precisamente a  10ª posição, o que permite a Portugal ser o único país com três pilotos entre os 10 primeiros da geral.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Dakar
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x