Red Bull Rookies Cup: Uma fábrica de campeões

Por a 9 Outubro 2021 14:19

A Red Bull Rookies Cup já produziu 30 pilotos que subiram ao pódio de um Grande Prémio, além de oito campeões mundiais. Dois ingressaram em 2021, Pedro Acosta e Raúl Fernández. O português Miguel Oliveira foi um dos primeiros a entrar neste desafio, em 2008 com apenas 13 anos de idade.

Fotos: Red Bull Content Pool

Em 2007, a Red Bull Rookies Cup foi realizada pela primeira vez com motos de 125 cc a dois tempos da KTM, e em 2022 aa competição entrará em sua 16ª temporada. Até à data, 30 ex-formados subiram ao pódio de um GP e 21 deles venceram um Grande Prémio. Quase 50 por cento de todos os novatos deram o salto para o campeonato do mundo após a série júnior, tendo conquistado 132 vitórias em GPs e 391 pódios.

Em 2008, com apenas 13 anos, Miguel Oliveira recebeu um convite para competir na corrida do Estoril da Red Bull MotoGP Rookies Cup. Sem ter qualquer experiência com a KTM RC 125, Miguel surpreendeu e terminou em 8º lugar. A boa prestação valeu-lhe novo convite para competir nas provas em Donington, Reino Unido e Assen, Holanda. Sem conhecer nenhuma das pistas e com pouca experiência na moto, Miguel dominou e venceu as duas corridas.

Três anos após a estreia na categoria de Moto3, em 2015, Miguel Oliveira juntou-se à Red Bull KTM Ajo e, com a equipa finlandesa, venceu o seu primeiro Grande Prémio da carreira, em Mugello, Itália.

O vencedor da Rookies Cup no ano passado, Pedro Acosta, pode tornar-se no próximo campeão da classe de Moto3. Raúl Fernández, apenas 9 pontos atrás do líder Remy Gardner no Campeonato do Mundo de Moto2, também está em busca do título. O piloto espnhol foi terceiro na Rookies Cup em 2016 e venceu o Campeonato do Mundo Júnior de Moto3 em 2018; o vencedor do Texas, Izan Guevara, em 2020, e o estreante da Red Bull Daniel Holgado está claramente à frente em 2021.

Joan Mir foi o primeiro piloto da série júnior a triunfar no Campeonato do Mundo de MotoGP no ano passado e em 2021 ele está novamente entre os três primeiros da tabela. Além disso, Mir conseguiu com a Leopard Honda o título no Campeonato do Mundo de Moto3 em 2017, seguido um ano depois por Jorge Martin, outro ex-estreante com uma Gresini-Honda.

E passamos a Johann Zarco, que ganhou a primeira Rookies Cup em 2007: em 2015 e 2016 dominou o Campeonato do Mundo de Moto2 pela equipa Ajo. Os nomes da próxima geração estão na lista de inscritos da Red Bull MotoGP Rookies Cup de 2022: 25 pilotos de 18 nações foram selecionados.

Incluindo a temporada da Rookies Cup de 2021, 211 pilotos diferentes de 36 nações participaram da Taça que se destina a pilotos com idades entre 13 e 18 anos. Como o mexicano Guillermo Marcel Moreno Crail também foi incluído na lista de participantes da próxima temporada, o número de países de origem sobe para 37; o número de pilotos cresce para um total de 223.

Desde 2013, as motos com motores monocilíndricos a quatro tempos de 250 cc da KTM passaram a ser utilizadas ​​na Rookies Cup. Os pilotos selecionados não têm que pagar nada pelas 12 a 14 corridas que serão realizadas como parte dos GP’s da Europa. Motos, roupas de corrida e serviço de boufê no fim de semana são fornecidos. Apenas as despesas de viagem e alojamento devem ser pagas pelas famílias dos jovens.

David Alonso, o vencedor em 2021 da Red Bull Rookies Cup

Os campeões mundiais da Rookies Cup

Enea Bastianini: Moto2 / 2020

Brad Binder: Moto3 / 2016

Danny Kent: Moto3 / 2015

Jorge Martín: Moto3 / 2018

Joan Mir: Moto3 / 2017 e MotoGP 2020

Johann Zarco: Moto2 2015 e 2016

Os campeões mundiais juniores de Moto3 da Rookies Cup

Raúl Fernández: 2018

Izan Guevara: 2020

Daniel Holgado: 2021?

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x