MotoGP: Rins lidera FP3 com muitas quedas

Por a 15 Junho 2019 09:46

Marc Márquez acabara os livres de ontem apenas em 17º, suficientemente preocupante para levar a Honda Repsol a mudar o tirante da suspensão traseira para hoje, obviamente à procura da sensação que faltara ao piloto de Cervera até aqui. Márquez foi o primeiro a sair para o traçado e a começar a atacar os tempos, tal como Dovizioso e Rossi, com Miller mais uma vez a aparecer entre os mais rápidos.

Zarco, a tentar na KTM o braço oscilante de carbono já usado por Espargaró, acusou uma melhoria de sensação, mas acabaria apenas 19º.

Com Márquez à frente desde os primeiros 10 minutos com 1:40.014, levou muito tempo a haver evolução nos tempos de ontem e foi Quartararo, mais uma vez, a saltar para a frente com um 1:39.583, seguido pouco depois por Rins com um 1:39.547.

Oliveira não tinha conseguido até então melhorar os seus tempos de sexta feira, pelo que não aparecia nos primeiros 20, (acabaria 22º) e Morbidelli é cuspido da Yamaha Petronas numa violenta queda a 8 minutos do fim da sessão, com Viñales a subir para 4º também.

Pelo lado menos, Dovizioso estava apenas 12º e fora dos qualificados, mas Lorenzo, até aí 9º subia para 5º e Pol Espargaró descia de 10º para 14º com a KTM…

A 3 minutos do final, Fabio Quartararo caiu, incrivelmente a primeira queda de sempre do rookie numa máquina de MotoGP, e nos últimos segundos, como sempre, jogavam-se as últimas cartadas:

Dovi foi para 4º, Rossi para 3º Petrucci para 5º e mesmo à bandeira, Espargaró saltou para 7º na KTM,  deixando mesmo Rins  à frente, Quartararo 2º e Crutchlow 3º e melhor Honda, com Márquez apenas 9º…

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas MotoGP
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png