MotoGP, Austrália: Quartararo reflete no resultado

Por a 28 Outubro 2019 15:30

“Se o Petrucci não me tivesse acertado, o resultado seria o mesmo!”

Fabio Quartararo reconheceu o seu erro na primeira volta do GP da Austrália já antes de ser colhido por Danilo Petrucci.

Um “fim de semana difícil” para o rookie de 20 anos terminou abruptamente quando Petrucci se despistou no Southern Loop e o derrubou.

O francês ficou aliviado por não sofrer mais ferimentos, mas a corrida estava perdida de qualquer maneira, como ele disse. “Se ele não me tivesse batido, seria o mesmo; Eu teria entrado na relva e perdido todas as posições”.

Quartararo foi o único piloto Yamaha a escolher o composto traseiro duro da Michelin para a corrida, uma decisão da qual se arrependeu, pois a borracha “não foi a melhor escolha…”.

O ex-vencedor de Grande Prémio sofreu um fim de semana amargo na Austrália, quando um doloroso acidente na FP1 na curva Sibéria o deixou com um hematoma no tornozelo esquerdo, colocando-o fora da FP2, a única sessão seca antes do Domingo que não foi afetada por ventos de alta velocidade.

Ainda assim, consegui-­­­se classificar de maneira brilhante, com apenas Maverick Viñales mais rápido durante a sessão reorganizada na manhã de domingo, um indicador de que outro bom resultado estava ao alcance. No final, não acabou assim.

“Honestamente, foi um fim de semana difícil”, disse Quartararo. “Um grande acidente na Sexta-feira. Um acidente no Domingo. Hoje de manhã fizemos algo realmente incrível, eu acho. Fomos os primeiros no Q1 e depois passámos e conseguimos uma primeira fila. Foi um começo muito bom para o dia.”

“Ficamos um pouco confusos com a escolha dos pneus. Foi entre o duro e o macio. No final, fomos com o duro e acho que é fácil dizer agora, mas o macio era uma escolha mais segura.”

“A segunda curva, se repararem, muitas pessoas com o pneu duro cometeram um pequeno erro, como eu fiz. Apenas o meu foi um pouco maior. O de Petrucci ainda maior. Não foi a melhor escolha para um pneu com zero voltas.”

“Não podemos dizer que foi minha culpa. Honestamente, Petrucci abalroou-me, mas se ele não me atingisse, seria o mesmo; Eu teria caído na relva e perdido todas as posições. Talvez eu tivesse terminado a corrida, mas honestamente a luta pelo pódio ou pelos cinco primeiros seria realmente difícil.”

“Foi mais uma experiência. É o nosso ano de estreia, acho que é o momento de cometer esse tipo de erros. Estou apenas decepcionado com o resultado. Poderíamos ter lutado por um bom resultado. Vamos recuperar o máximo possível para estar em forma na Malásia.”

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas MotoGP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x