WSSP, Jerez, Corrida 1: Outro sábado perfeito de Bulega

Por a 28 Outubro 2023 23:02

Depois de assinar a 10ª Superpole da temporada em doze jornadas, Nicolò Bulega concluiu um sábado perfeito no Supersport em Jerez de la Frontera. O já campeão mundo venceu a Corrida 1 por larga vantagem, com o foco da corrida centrado na disputa pela segunda posição entre Manzi e Caricasulo.

Aos comandos da Ducati Panigale V2 da Aruba, Bulega deixou apenas migalhas aos adversários, como já aconteceu em muitas outras ocasiões este ano. Certamente, os mais atentos ainda se lembram do diabólico Dominique Aegueter, que dominou de forma implacável a categoria Supersport entre 2021 e 2022, conseguindo ainda o título de MotoE há um ano.  O que teria acontecido se o bicampeão suiço não se tivesse mudado para as Superbike?

Provavelmente, a época de Bulega não teria sido a mesma e teriamos assistido a corridas bastante mais animadas. Assim, sobrou um campeonato dominando predominante por italianos e pela Ducati.  

No entanto, ao lado dos êxitos de Aeguerter, assistimos a um jovem Bulega em meteórica ascenção, precisando apenas dois anos para subir às Superbike e fazer equipa com o experiente Álvaro Bautista em 2024. aos 24 anos de idade. Bulega ainda é jovem e pode ter um futuro promissor pela frente. Lembramos que deixou a equipa Gresini de Moto2 em 2021 onde teve uma época modesta ao lado Fabio Di Giannantonio, antes de ingressar na Aruba Ducati de Supersport.

Manzi e Caricasulo em foco

Na corida de hoje o que divertiu o público presente na pista de Jerez foram os protagonistas da luta pelos outros dois degraus do pódio, com Stefano Manzi que conseguiu levar a melhor sobre Federico Caricasulo por alguns milésimos depois de um longo e divertida luta entre as motos da Yamaha Ten Kate e a Ducati Althea.

Outras duas Yamaha ficaram no Top 5, nomeadamente as de Jorge Navarro e Valentin Debise, enquanto nas dez primeiras posições encontramos também Raffaele De Rosa e Lorenzo Dalla Porta , sétimo e oitavo respectivamente sob a bandeira axadrezada. Simone Corsi fez uma boa corrida, 12º como wild card, numa primeira manga inesquecível para os pilotos da MV  que caíram a 13 voltas do final e depois reiniciaram a corrida, com Marcel Schroetter em 15º à frente de Bahattin Sofuoglu. A corrida teve ainda muitas quedas de outros italianos, entre os quais Yari Montella.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
This site uses User Verification plugin to reduce spam. See how your comment data is processed.
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x