CEV Repsol, 2020: A caminho de duas provas em Jerez

Por a 26 Agosto 2020 15:30

O CEV Repsol está em Jerez este fim de semana

Depois de mais de um mês de pausa da 2ª jornada em Portimão, os pilotos do CEV Repsol estão de volta à ação no icónico Circuito de Jerez-Angel Nieto para as Rondas 3 e 4. É verdade, dois dias de corridas, no sábado, dia 29 e domingo, dia 30 de Agosto, aguardam o Campeonato do Mundo de Moto3 Júnior, o Campeonato da Europa de Moto2 e os pilotos da Taça da Europa Hawkers de Talentos, na Andaluzia.

Os líderes conjuntos da Moto3 Jr, Pedro Acosta (Team MT-Foundation77) e Xavier Artigas (Honda Leopard Impala Jr Team) estão prontos para voltar a defrontar-se, e o duplo vencedor da corrida de Portimão, Yari Montella (Speed Up Ciatti) terá como objetivo continuar o seu início dominante na classe de Moto2. Entretanto, no HETC, David Alonso (Openbank Aspar Team) continua invicto após três vitórias em três corridas.

Acosta e Artigas partilham uma vitória e um segundo lugar cada no Moto3 Jr WCh até agora em 2020, vendo-os com 45 pontos cada após as duas primeiras corridas.

A diferença combinada na meta entre a dupla no Estoril e Portimão é de 0,020, pelo que podemos antecipar mais uma corrida frenética em Jerez.

Os espanhóis conquistaram 3º e 4º no sul de Espanha em 2019, Artigas batendo Acosta para o último lugar do pódio na Corrida 1, pelo que também têm historial de luta em Jerez.

No entanto, a luta não será só entre estes dois para a vitória. David Salvador (Cuna de Campeones) e Adrian Fernandez (Laglisse Academy) têm um pódio em seu nome esta temporada, com Daniel Holgado (Openbank Aspar Team), José Julian Garcia (SIC58 Squadra Corse) e Max Cook, da British Talent Team, todos a mostrarem grande forma nas duas primeiras rondas.

No Moto2, Montella está com quatro de quatro em 2020, depois de ter apoiado a sua dobradinha no Estoril com outra tirada de 50 pontos em Portimão. Até agora, o italiano chegou ao limite de 100 pontos e vai tentar compensar um abandono em Jerez na época passada.

Com quatro segundos lugares, Niki Tuuli (Team Stylobike) espera poder quebrar a série de vitórias de Montella. O finlandês fraturou o pulso direito num Treino Livre das MotoE no GP de Espanha poucos dias depois dos seus dois segundos em Portimão, mas está a planear um regresso em grande.

O terceiro classificado do Campeonato Alessandro Zaccone (Promoracing) está numa série de três terceiros também e foi exatamente onde terminou em Jerez na época passada. O italiano tem como objetivo recuperar terreno a Montella e Tuuli, com Alejandro Medina (Apex – Cardoso Racing) determinado a assumir o seu primeiro pódio em 2020, depois de três resultados consecutivos em 4º, e também ter substituído outro piloto há dias no Campeonato do Mundo de Moto2 no Red Bull Ring.

Duas vitórias no Estoril e uma no Autódromo Internacional do Algarve vêem David Alonso desfrutar de uma saudável vantagem de 23 pontos com a HETC rumo a Jerez. O colombiano está pronto para tentar obter a quarta vitória da HETC. O estreante Alberto Ferrandez, segundo classificado em Portimão, fez também o seu melhor resultado da temporada, com três pódios de três para o espanhol, e Ivan Ortola, do Openbank Aspar Team, é outro dos que lhes vai levar o desafio, naquele que promete ser mais um fantástico fim de semana de ação da HETC. A dupla de talentos Estrella Galicia 0,0 Angel Piqueras e Marco Morelli têm ambos pódios esta temporada e vão querer mais em Jerez…

 

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Velocidade
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x