BSB: Suzuki Buildbase também confirma pilotos

Por a 24 Novembro 2019 15:30

A Buildbase Suzuki anunciou hoje, no Motorcycle Live, que Kyle Ryde e Keith Farmer competirão com as suas Suzuki GSX-R1000 no Campeonato Britânico de Superbikes em 2020.

A dupla traz uma variedade de experiência de sucesso como vencedores no campeonato para a equipa, ostentando sete títulos britânicos entre eles. Ryde teve um 2019 bem-sucedido, adicionando o GP2 britânico ao título de Superstock 600 de 2014 e ao 125 de 2011, enquanto Farmer integra a equipa como bicampeão de Superstock 1000 e ex-campeão britânico de Supersport e Superstock 600.

Ryde experimentou a Suzuki GSX-R1000 na penúltima ronda do campeonato Superstock 1000 em Donington Park, impressionando com os seus tempos a caminho do quarto tempo mais rápido na qualificação, antes de sofrer um acidente que o excluiu das corridas.

Farmer também teve um bom começo de 2019, fazendo uma série de resultados no Top 10, incluindo um melhor de 6º em Brands Hatch, antes de uma lesão sofrida em Knockhill o afastar pelo resto da temporada. O experiente irlandês do norte vai tentar compensar em 2020 e colocar-se entre os concorrentes do Desafio Final.

Ryde disse: “Estou muito grato a Steve [Hicken] pela oportunidade. Gostei de pilotar a Superstock GSX-R em Donington e, para ser honesto, estava procurando um lugar em Superstock 1000 para a próxima temporada, mas o Steve deu-me esta chance e estou muito agradecido e ansioso por isso. A Superstock tinha um ótimo chassis e deu-me uma boa sensação de frente, o que é realmente importante para mim como piloto.”

“Sei que a Superbike será um animal diferente, mas estou numa equipa que tem muita experiência com a Suzuki e que me ajudará a aprender e desenvolver. Se pudermos começar nos pontos, esperamos poder construir a partir daí e progredir em direção aos dez primeiros. ”

Farmer disse por sua vez: “O ano passado começou bem, mas tive o acidente em Knockhill e a lesão foi bastante significativa. Nem esperava estar tão bem como estou agora, mas desde então tenho feito tudo o que posso para voltar à plena forma física o mais rápido possível. Isso tem incluído trabalhado em ginásio, ciclismo, fisioterapia e até mesmo com a minha dieta. Voltei a uma supermoto para tentar manter a forma e o movimento que tenho nas pernas e tornozelos é muito bom.”

“Estou empolgado para a próxima temporada, é uma moto vencedora e acho que tenho um grupo ao meu redor que quer me dar o máximo de tempo possível para que possamos ter a melhor temporada possível. O objetivo é Top 10s desde o início, a lutar para o Top 6 e, com um bocadinho de sorte, estar na molhada cos candidatos da Desafio Final. ”

O gerente da equipa, Steve Hicken, concluiu: “Em Kyle e Keith, temos uma boa mistura de juventude e experiência, mas o que eles compartilham é talento e motivação reais, algo refletido pelo número de campeonatos que conquistaram. O objetivo é deixá-los o mais confortável possível, a começar com um teste de três dias em Espanha no início de Dezembro.”

“Sabemos que Kyle terá muito a aprender, mas ele mostrou que é mais do que capaz de se adaptar e estamos ansiosos por o ajudar a progredir na próxima temporada, e o Keith já mostrou que tem o necessário para competir na BSB e achamos que pode lutar por uma  posição no Desafio Final em 2020.”

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x