SBK, San Juan: O comunicado dos “6 de Villicum”

Por a 13 Outubro 2019 18:08

Ontem, à última hora, foi anunciado que 6 pilotos do plantel não tomariam parte na 1ª corrida de SBK, o que deixou uma impressão errada que os pilotos entretanto corrigiram, com uma declaração conjunta que aqui reproduzimos:

“Correr de moto é o nosso sonho de meninos, a nossa paixão e o nosso sustento. Só queremos alinhar e dar o nosso melhor, nunca deixando ficar mal fans, espetadores, patrocinadores, equipas ou as marcas que representamos. Porém, por vezes, temos de tomar uma atitude, especialmente quando tem a ver com a segurança.

A 20 minutos da corrida 1, houve uma reunião e uma maioria de 14 dos 18 pilotos concordou em pedir à organização para cancelar a corrida, e fazer duas no Domingo sob condições mais frescas, dando a oportunidade de limpar mais o circuito.

Segundo nos foi dado entender, o asfalto do circuito foi posto à última hora e ainda havia muito óleo a dissipar-se do alcatrão, o que causou, por exemplo, as quedas de Haslam e Baz, ambas na volta de aquecimento. A nossa expectativa na sequência de uma inspeção era de que a organização não permitiria o desenrolar da corrida nessas condições.

Há meses que toda a gente sabia que iríamos encontrar condições difíceis em S Juan. Mesmo assim, encontrámos um circuito que na nossa opinião não está em condições Isto foi confirmado pelo representante da FIM, e há vários critérios que o circuito não cumpre.

Hoje foi a nossa oportunidade de nos juntarmos e mostrar que só estamos preparados para nos arriscar nos circuitos que estejam à altura das normas atuais. Devido a pressões externas nos pilotos e interesses pessoais, o grupo fraturou-se e os 6 que prevaleceram acabaram por parecer uma minoria que não queria correr, o que não é verdade

Confiamos nos organizadores para assegurar que cada circuito que visitamos está em condições, e achamos que eles deviam escutar os pilotos e adaptar o horário nos interesses da segurança. Ninguém quer melhorias só depois de haver um acidente grave. Esperamos que depois de hoje haja cooperação entre pilotos, equipas, Dorna e FIM para assegurar que a segurança permanece a prioridade no nosso desporto.

Agora, vamos preparar-nos para correr amanhã…”

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Mundial Superbikes
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png