MotoAmerica, 2020: Beaubier faz a 13ª vitória em New Jersey

Por a 13 Setembro 2020 18:47

Desde o ano passado, Cameron Beaubier ganhou 13 das últimas 14 corridas de MotoAmerica Superbike.

Num sábado ensolarado em Nova Jérsia, Beaubier venceu o seu décimo repto da temporada de 2020 para estender a sua liderança do campeonato a 79 pontos sobre o seu companheiro de equipa na Monster Energy Attack Yamaha, Jake Gagne.

A vitória foi também a 48.ª da carreira do Campeão de Superbike da MotoAmerica, que está a aproximar-se do seu antigo companheiro de equipa Josh Hayes (que tem 61 vitórias em Superbike) para o segundo lugar na lista de vitórias de todos os tempos. A vitória, no entanto, não veio sem um pouco de stress pré-corrida.

“Sinceramente, estávamos sentados na grelha e eu queria ir com a opção do pneu mais macio, e a Dunlop e a minha equipa diziam: ‘Acho que estarias melhor com o 097′”, disse Beaubier. Só não pensei que fosse capaz de abrir uma pequena vantagem como consegui fazer no início desta temporada. Por isso, não sabia se teria tempo com o pneu mais duro, mas estou muito feliz por ter ido com ele. Então, graças àqueles tipos por terem insistido. Não sei o que dizer, sinto-me tão bem com isto…”

Como tem sido a norma até agora em 2020, a vitória de Beaubier foi dominante, com o californiano a vencer por 9,599 segundos sobre Mathew Scholtz, da Westby Racing, que aproveitou a queda de Gagne na primeira volta para fechar o californiano pela segunda vez na classificação do campeonato.

O terceiro lugar foi para um revitalizado Toni Elias, o piloto da M4 Suzuki Ecstar que terminou uma seca sem pódios que datava de 11 corridas.

“Não muito, muito feliz, mas sinto que é o primeiro passo”, disse Elias. “Isto é positivo. Estamos a trabalhar arduamente. Demos um pequeno passo este fim de semana. Senti que a tração estava a voltar (…) É o primeiro passo e estou feliz.”

Kyle Wyman, da KWR Ducati, recuperou de uma ronda desastrosa no Noroeste do Pacífico há duas semanas para terminar em quarto lugar na Ducati Panigale V4 R. Wyman foi desafiado cedo por Bobby Fong, mas conseguiu afastar-se do piloto da Suzuki para o bater à bandeira por quase sete segundos.

O sexto lugar foi para Corey Alexander, da Ride HVMC Racing, o Nova-Iorquino que igualou o seu anterior melhor resultado na classe de Superbike, depois de mal ter afastado Cameron Petersen, da Altus Racing, nas últimas voltas. Petersen acabou em sétimo.

David Anthony da FLY Racing ADR Motorsports e o seu companheiro de equipa Bradley Ward terminaram em oitavo e nono lugar, com Josh Herrin, da Scheibe Racing BMW, a completar o top 10.

Após 10 corridas de Superbike, Beaubier tem 250 pontos, mais 79 do que Gagne e 81 à frente de Scholtz. Fong mantém-se no quarto lugar da classificação, 20 pontos à frente do seu companheiro de equipa Elias.

Corrida de Superbike 1

  1. Cameron Beaubier (Yamaha)
  2. Mathew Scholtz (Yamaha)
  3. Toni Elias (Suzuki)
  4. Kyle Wyman (Ducati)
  5. Bobby Fong (Suzuki)
  6. Corey Alexander (Kawasaki)
  7. Cameron Petersen (Suzuki)
  8. David Anthony (Suzuki)
  9. Bradley Ward (Kawasaki)
  10. Josh Herrin (BMW)

0 0 vote
Article Rating
1 Comentário
antigo
recente mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
trackback
1 mês atrás

[…] 6 minutos Ver original […]

Ensaios
últimas AMA Superbike
últimas Motosport
Motomais
1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x