Motocross: André Malherbe deixou-nos… até sempre Campeão!

Por a 26 Novembro 2022 23:09

André Malherbe, o belga tricampeão mundial de 500cc da década de oitenta ((1980, 1981 e 1984) com a Honda, faleceu na passada quinta-feira em Liége, aos sessenta e seis anos de idade.

Nascido em Huy, na Bélgica, em 21 de março de 1956, André deixou a sua marca no cenário offroad internacional ao vencer o Campeonato Europeu de Motocross FIM 125cc em 1973 e 1974.

Filho de um negociante de motos, o jovem Malherbe começou a correr com apenas sete anos de idade e sempre esteve destinado a chegar ao topo depois de mostrar velocidade e habilidade excepcionais desde os primeiros dias nas pistas. André conquistou o seu primeiro título mundial em 1980 e conseguiu defender o título das 500cc no ano seguinte, depois de ter falhado a vitória nas 250cc em 1977, quando terminou em terceiro à geral.

O guerreiro belga garantiu o seu terceiro e último campeonato de 500cc em 1984 antes de se retirar do motocross com 41 vitórias em seu nome. De fala mansa, educado, mas de caráter forte e uma vontade férrea de vencer, André Malherbe inspirava respeito, um verdadeiro cavalheiro dentro e fora da pista. Foi um dos grandes nomes do motocross dos anos oitenta e os seus duelos com Hakan Carlqvst e Dave Thorpe tornaram-se lendários.

Figura-chave de três vitórias da equipa da Bélgica no Motocross das Nações (1977, 1979 e 1980), retirou-se em 1986 como o quarto piloto mais ganhador de sempre na modalidade.

Depois de correr nas 24 Horas de Spa de 1987 numa corrida do Campeonato do Mundo de Carros de Turismo, André passou a competir em eventos de Rally Raid. Infelizmente, Malherbe sofreu uma forte queda durante o Rally Paris Dakar de 1988 e sofreu ferimentos graves que o deixaram paralisado.

0 0 votes
Article Rating
This site uses User Verification plugin to reduce spam. See how your comment data is processed.
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x