MotoGP: “Ainda sinto muita dor”: Lorenzo forçado a terminar os testes mais cedo

Por a 30 Agosto 2019 16:00

Jorge Lorenzo (Honda Repsol) compareceu nos testes de Misano, mas ainda sentia muitas dores mas costas, segundo declarações do piloto, mais do que em Silverstone.

No seu regresso durante o Grande Prémio da Grã-Bretanha, esperando acabar último em vista do seu ritmo nos treinos, Lorenzo acabou por fazer um esforço supremo, e apesar da degradação dos pneus lhe ter custado um lugar à última volta quando Hafyz Syahrin o ultrapassou, ainda conseguir ser 14º, marcando pontos.

Porém, ontem em Misano Adriático, com Márquez e o piloto de testes Bradl também presentes e com várias configurações de RC213V à disposição, Lorenzo descobriu que ainda tinha muitas dores nas vértebras fraturadas há dois meses para continuar o treino a um ritmo que resultasse nalgum benefício para ele ou para a equipa Honda Repsol.

Lorenzo completou 31 voltas esta manhã antes de sua equipa confirmar que ele ficaria de fora do restante do teste “para permitir que o seu corpo se recuperasse ainda mais e estivesse o mais apto possível para a 13ª prova”.

Assim, o cinco vezes Campeão do Mundo decidiu terminar o Dia 1 um pouco mais cedo, enquanto continua a sua recuperação de lesão.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas MotoGP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x