MotoGP, 2020: Equipas reduzidas definidas

Por a 29 Maio 2020 15:00

A Dorna tem estado muito ocupada em reuniões com as várias entidades, entre outros assuntos, a definir as condições de regresso ao MotoGP, que para já vão incluir pistas sem espetadores, nem jornalistas, nem convidados e um número relativamente reduzido de pessoal.

Para recomeçar, as equipas de fábrica concordaram em levar apenas 12 membros de cada equipa aos Grandes Prémios nas classes de Moto3 e Moto2. No Campeonato do Mundo de MotoGP, as cinco equipas oficiais podem levar até 40 pessoas para o paddock, as equipas privadas 25 cada.

Isto, mesmo assim, resulta em cerca de 720 pessoas, a maioria das quais têm de passar num teste SarsCoV2 antes da partida e depois à chegada ao circuito. Além disso, a febre é medida todas as manhãs na entrada do paddock. Todas as pessoas que forem positivamente testadas serão imediatamente isoladas e substituídas o mais rapidamente possível.

A este pessoal das equipas juntam-se o essencial da organização, que deverá trazer o total a um pouco mais de 1000 pessoas.

A Red Bull KTM já anunciou que está a trabalhar com uma equipa reduzida com Pol Espargaró e, assim, preparada para qualquer emergência, as outras terão de seguir a deixa…

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas MotoGP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x