MotoGP, Jack Miller (1.º): “Gostei da sessão mais longa”

Por a 23 Setembro 2022 11:39

Os pilotos de MotoGP tiveram uma única sessão de treinos livres esta sexta-feira, embora de 75 minutos. Jack Miller, que registou o tempo mais rápido, gostou do tempo que teve para trabalhar, ficando também satisfeito com a sua volta, salientando que amanhã deve chover e não deverá ser possível melhorar.

“Uma sexta-feira diferente do que estamos habituados, mas gostei da sessão mais longa. Tive mais tempo, foquei-me mais no ritmo, tive quatro saídas para a pista. Focámo-nos naquilo que precisávamos de reparar na moto, fomos para a pista com pneus usados, sem pressão, só para ver o que tínhamos de mudar, e, depois de mudar, ver se ajudava ou não. Quando fui para a volta rápida, senti-me muito preparado, em vez da sexta-feira normal, onde tens duas saídas e tens de fazer uma banker lap primeiro. Aqui tinhas mais tempo para trabalhar, e, nos últimos dez minutos, dei o meu melhor”, disse.

“Menos pressão, não estás constantemente a olhar para o relógio, tens muito tempo, podes concentrar-te. O normal é fazeres uma mudança, analisares o que precisas de melhorar e esperares um par de horas pela próxima sessão antes de poderes testar, em vez de testares imediatamente. Eu gostei deste formato”, referiu.

“Foi a minha melhor volta, o Tsuda custou-me um pouco de tempo. É bom ter essa confiança para fazer três voltas muito próximas. Mas teria sido ótimo fazer aquela volta e ter mais espaço entre mim e o próximo. A moto está a funcionar bem, é bom puxar desde o início. Vamos continuar a trabalhar durante a noite, ver o que o tempo nos traz amanhã. Deve chover, estar no top-10 é importante”, declarou.

“Vamos ver o que conseguimos fazer. É bom estar de volta ao Japão, excelente público, mesmo sem muita ação em pista, vamos ver o que traz o resto do fim de semana”, concluiu.

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x