MotoGP, França, Miguel Oliveira: “Não encontrámos velocidade com o pneu traseiro macio”

Por a 15 Maio 2022 10:38

Miguel Oliveira, foi o melhor piloto das RC16 na qualificação de MotoGP em Le Mans e explica o trabalho em curso na KTM para perseguir tempos de volta rápidos.

Miguel Oliveira e Brad Binder só vão começar a corrida das posições 17 e 18 nas motos oficiais de fábrica da KTM no domingo. O “Circuito Bugatti” também não tem ajudado ao desempenho das motos de Mattighofen na qualificação.

“Foi uma qualificação difícil. Não conseguimos encontrar velocidade com o novo pneu traseiro macio”, observou Miguel Oliveira. “Não podíamos ser mais rápidos com ele. Agora estou ansioso pela corrida, vamos ver se algo funciona.”

“Existem algumas áreas em que podemos melhorar durante a temporada. Mas temos que encontrar o equilíbrio entre aplicar pressão e dar tempo aos técnicos na fábrica. É uma linha ténue. Mas confio na KTM, que eles vão encontrar soluções e trazer atualizações para aqui.”

No Q1, Oliveira ficou a quase sete décimos de um bilhete para o Q2. “Pode ser que soframos um pouco na corrida. Mas só temos que fazer o nosso melhor agora, reunir experiência e informações.”

Oliveira, de 27 anos, também admite: “Não se vê todos os problemas nos testes de pré-época. Também carecemos de experiência em algumas áreas, por exemplo, na aerodinâmica. E essa é uma área que tem muita influência.”

Sobre a janela de tempo para atualizações de tecnologia, Oliveira diz rindo: “Precisamos de tempo. Isso significa – o mais rápido possível.”

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x