MotoGP, Enea Bastianini: “O Diggia levou com a minha asa na cara”

Por a 11 Agosto 2022 13:00

Enea Bastianini teve uma dificuldade acrescida em Silverstone, tendo ficado sem uma das suas asas na primeira volta, após contacto com Jorge Martín e Marco Bezzecchi. O italiano reconheceu as dificuldades, mas conta que, passado algum tempo, conseguiu adaptar-se, de modo a terminar no quarto lugar.

“Foi difícil gerir a moto nesta situação. Na primeira volta, não percebi o problema das asas, porque toquei no Marco e no Martín, e perdi alguma coisa, mas não vi as asas. Vi alguma coisa a voar muito rápido e descobri que o Diggia levou com a asa na cara”, disse.

“Após duas voltas, percebi que tinha um problema na moto, porque, em todas as curvas para a esquerda, a frente fechava um pouco. Mas quando percebi isto três ou quatro voltas depois, fiquei confiante com a moto, e, no fim, foi mais difícil do que se tivesse as duas asas, mas não foi muito mau”, referiu.

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x