Moto2: Kalex vai perder monopólio do Mundial em 2017

Por a 2 Outubro 2016 14:20

A Kalex vai ter menos presença no Mundial de Moto2 já em 2017. O fabricante alemão que este ano conta com 33 das 40 motos que participam no Mundial, vai perder na próxima temporada a posição dominante. O regresso da Suter e a estreia da KTM vão fazer com que a Kalex deixe de ocupar o lugar de destaque que tem atualmente na grelha de Moto2.

Recorde-se que para encontrarmos a última vitória de uma moto não Kalex no Mundial de Moto2 é preciso recuar a 2015, quando Sam Lowes venceu com a Speed Up o GP de Austin. De lá para cá, o construtor alemão dominou todos os Grandes Prémios e no atual campeonato, 9 dos 10 primeiros utilizam Kalex o que vai assegurar a marca o título de 2016.

Alias a Kalex venceu três dos cinco títulos de Moto2 disputados até agora. As únicas exceções foram as vitórias de Marc Márquez em 2012 com a Suter e a vitória de Toni Elías com a Moriwaki em 2010.

O regresso da Suter ao Moto2 está a ser preparado já à algum tempo com testes em que participaram entre outros pilotos Jonas Folger, que esteve aos comandos da moto durante três dias no circuito de Valência.

De acordo com o piloto alemão, “existem certas vantagens e desvantagens com a Suter”. Para Folger a Suter “é um pouco nervosa e mais difícil, contudo quando sabes como funciona acabas por ser bastante rápido. A Kalex por seu lado é muito estável”.

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x